Início Cultura Língua Portuguesa: palavras que muitos conhecem mas poucos sabem escrever

Língua Portuguesa: palavras que muitos conhecem mas poucos sabem escrever

Muitos conhecem o significado de algumas palavras mas, frequentemente, erram no momento de as escrever: palavras que muitos conhecem mas poucos sabem escrever.

sabem escrever
Língua Portuguesa: palavras que muitos conhecem mas poucos sabem escrever

Muitos conhecem o significado de algumas palavras mas, frequentemente, erram no momento de as escrever: palavras que muitos conhecem mas poucos sabem escrever.

A língua portuguesa é fascinante, complexa, rica em regras e excepções. É bastante fértil em palavras que muitos indivíduos hesitam na hora de escrever, pois há muitas semelhanças com outras palavras que criam diversas confusões.

Além disso, o desconhecimento que se tem de certas palavras torna comum o aparecimento de palavras que, na realidade, não existem, que são criadas ou inventadas, fruto da ignorância que se tem.

Língua Portuguesa: palavras que muitos conhecem mas poucos sabem escrever

Amassado

Análise ao termo: A forma correta é «amassado». Esta palavra significa que se deformou; dar pancada. A palavra amaçado está errada.

Exemplo 1: Faça um documento novo, pois este está amassado.

Exemplo 2: O meu carro ficou todo amassado, devido ao acidente.

Leia também:

Asterisco

Análise ao termo: A forma correta é asterisco. Esta palavra indica um sinal gráfico em forma de estrela (*). Asterisco é estrela pequena: Aster = Estrela, Isco = Pequena.

Exemplo 1: O asterisco indica-nos que há uma nota de rodapé.

Exemplo 2: Usa um asterisco para fazer a citação.

Comissão

Análise ao termo: A forma correta é «comissão». Esta palavra significa grupo de pessoas encarregadas de tratar de determinado assunto, pagamento ou gratificação proporcional, missão ou encargo.  A palavra comição está errada.

Exemplo 1: O banco está a pedir uma comissão muito elevada.

Exemplo 2: Faço parte da comissão de trabalhadores da minha fábrica.

Depressão

Análise ao termo: A forma correta é «depressão». Esta palavra significa ato ou efeito de deprimir; abaixamento de nível; abrandamento de pressão; zona mais baixa do que o que está à sua volta, por exemplo, entre montanhas ou uma cova; estado mental mórbido caracterizado por abatimento, fadiga, ansiedade, falta de vontade, etc. A palavra depreção está errada.

Exemplo 1: Ela está com uma depressão grave, ao ponto de ter de fazer medicação.

Exemplo 2: Cuidado com a depressão no terreno.

Embaciado

Análise ao termo: A forma correta é «embaciado». Esta palavra significa sem brilho, ofuscado, coberto de gotículas de vapor de água. A palavra embassiado está errada.

Exemplo 1: O espelho da casa de banho está sempre embaciado, depois de eu sair do banho.

Exemplo 2: O vidro do carro está todo embaciado. Não vejo nada!

Excesso

Análise ao termo: A forma correta é «excesso». Esta palavra significa quantidade que vai além da que é conveniente ou permitida. Coisa que passa além do que é permitido. A palavra exceço está errada.

Exemplo 1: Fui multado por excesso de velocidade. Vou ouvir um raspanete dos meus pais.

Exemplo 2: Há emissão de excesso de gases poluentes. Temos de combater essa realidade.

Faxina

Análise ao termo: A forma correta é «faxina». Esta palavra significa fazer a limpeza de uma casa, divisão ou de outro espaço fechado. A palavra fachina está errada.

Exemplo 1: O soldado está de faxina, neste preciso momento.

Exemplo 2: Esta casa está a precisar de uma faxina geral. É melhor chamar a empregada.

Lixo

Análise ao termo: A forma correta é lixo. Esta palavra significa qualquer matéria ou coisa que repugna por estar suja ou que se deita fora por não ter utilidade. Restos; entulhos; imundície; coisa sem valor.

Exemplo 1: O lixo das maiores cidades é um dos maiores problemas ambientais atuais.

Exemplo 2: Por favor, vai deitar o lixo fora. Não peço mais nenhuma vez.

Maciço

Análise ao termo: A forma correta é «maciço». Esta palavra significa que não é oco; compacto; sólido; que apresenta grande densidade. Bloco rochoso irregular ao longo da crosta terrestre. A palavra macisso está errada.

Exemplo 1: O diretor teve o apoio maciço de grande parte dos colaboradores.

Exemplo 2: Estas imagens são todas do maciço da Gralheira.

Preço

Análise ao termo: A forma correta é «preço». Esta palavra significa o valor dado a determinado produto ou serviço. A palavra presso está errada.

Exemplo 1: Qual é o preço daquela mota?

Exemplo 2: Tudo tem um preço. Só falta identificá-lo.

Pressa

Análise ao termo: A forma correta é «pressa». Esta palavra significa necessidade de algo de forma rápida; impaciência, precipitação; velocidade. A palavra preça está errada.

Exemplo 1: Tem calma. Estás com pressa?

Exemplo 2: A pressa, como sabes, é inimiga da perfeição.

Promessa

Análise ao termo: A forma correta é promessa. Esta palavra significa o mesmo que voto, obrigação de cumprir com determinação, oferta, dádiva com que se acena a alguém para que cumpra um desejo.

Exemplo 1: Para cumprir a promessa feita, ela para o ano vai a pé a Fátima.

Exemplo 2: Ontem, assinei o contrato promessa de compra e venda do meu novo apartamento.

Queixo

Análise ao termo: O único modo correto de escrever a palavra é «queixo». Esta palavra significa maxilar inferior. A palavra queicho está errada.

Exemplo 1: Quando vi o cofre dele, fiquei de queixo caído.

Exemplo 2: O frio era muito, por isso fiquei a bater o queixo.

Roxo

Análise ao termo: O único modo correto de escrever a palavra é «roxo». Esta palavra significa que é da cor da violeta; vermelho; ansioso, desejoso. A palavra rocho está errada.

Exemplo 1: O tapete era roxo, mas era muito feio, não era?

Exemplo 2: Quando lhe disse a verdade, ele ficou todo roxo de raiva.

Suíça

Análise ao termo: O único modo correto de escrever a palavra é «suíça». Esta palavra é referente ao país da Europa central. Esta palavra significa ainda porção de barba que se deixa crescer nas partes laterais da face. A palavra suíssa está errada.

Exemplo 1: Este ano, não podemos ir à Suíça, infelizmente.

Exemplo 2: As suíças do meu avô estavam com comida.

NCultura

Se gostou deste artigo reaja a ele e faça um comentário!

Se gostou deste tema pode procurar outros artigos sobre Língua Portuguesa no NCultura. Se tem outros temas que pretende que sejam explorados pelo NCultura, deixe-nos sugestões. Se é apaixonado pela língua portuguesa, saiba que há muitos mais artigos para ler no NCultura.

Apaixone-se pelo NCultura e explore diferentes temáticas: turismo e viagens, saúde, gastronomia, cultura, histórias, entre outras…

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.