Início Tradições Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Uma sopa tradicional com uma história e um sabor únicos. Fia saber mais sobre esta iguaria chamada Sopa da Pedra: a origem, história e receitas.

Sopa da Pedra
Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Uma sopa tradicional com uma história e um sabor únicos. Fia saber mais sobre esta iguaria chamada Sopa da Pedra: a origem, história e receitas.

A Sopa da Pedra é um prato típico de Almeirim. Em todos os restaurantes desta vila pode encontrar esta deliciosa iguaria nacional. Os modos de preparação e de confeção podem variar ligeiramente de estabelecimento para estabelecimento, mas a essência desta sopa é sempre semelhante.

Esta iguaria é de tal forma um ex-líbris local que até existe em Almeirim uma pequena estátua que representa a origem deste prato. A estátua do tal frade que conseguiu todos os ingredientes para fazer uma bela sopa, contribuindo apenas com uma… pedra. Fique a saber mais sobre esta iguaria.


Leia também: 5 sopas portuguesas típicas de Trás-os-Montes e Alto Douro


Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Sopa da Pedra
Sopa da Pedra: origem, história e receitas

A Lenda

A origem da Sopa da Pedra está associada a uma lenda que vale a pena conhecer. Trata-se da Lenda do Frade e da sua astúcia em fazer uma sopa com uma… pedra!

Conta-se, então, que certo dia, chegando a uma localidade, cansado e com a barriga a dar horas, o frade bateu à porta de um lavrador. Nessa altura, mostrou-lhe uma pedra, dizendo que iria fazer uma sopa com ela.

Sem acreditar, os donos da casa perguntaram:

– Uma sopa com essa pedra? Vamos ver…

Nesse momento, o frade lavou a pedra e pediu uma panela com um pouco de água.

– Só precisa dessa pedra? Mais nada? – perguntaram os senhores da casa.

– Preciso, sim. Para ficar melhor, devo juntar um fio de azeite e deixar cozinhar naquela braseira.

Assim, o frade foi pedindo condimentos e outros ingredientes aos lavradores:

– Agora, preciso de um pouco de carne, enchidos, feijão, batata, coentros,… etc, etc.

Finalmente, a panela começa a ferver e a libertar um cheiro delicioso.

Depois do frade comer, os donos da casa perguntam onde é que, afinal, estava a pedra:

– Então? E a pedra?

Ao que responde o frade meio manhoso:

– A pedra?! A pedra lavo-a e levo-a comigo para a próxima vez!

RECEITAS

Sopa da Pedra
Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Sopa da pedra

Ingredientes

– 750 g de batatas

– 150 g de toucinho entremeado

– 1 litro de feijão encarnado

– 2 cebolas

– 2 dentes de alho

– 1 orelha de porco

– 1 chouriço negro (de sangue da região)

– 1 chouriço de carne

– 1 folha de louro

– 1 molho de coentros

– sal e pimenta


Leia também: 3 receitas de Sopas de Inverno muito reconfortantes


Sopa da Pedra
Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Modo de Preparação

– Demolhe o feijão.

– Escalde e raspe a orelha de porco.

– Leve o feijão a cozer em bastante água, juntamente com a orelha, os chouriços, o toucinho, as cebolas, os alhos e o louro. Tempere com sal e pimenta.

– Se for necessário, junte mais água fervente.

– Quando a carne estiver cozida, retire e introduza na panela as batatas, cortadas aos quadradinhos e os coentros picados. Deixe cozer a batata.

 

– Assim que se retirar a panela do lume, introduza as carnes previamente cortadas aos bocadinhos e uma pedra bem lavada.

Sopa da Pedra
Sopa da Pedra: origem, história e receitas

Sopa da pedra na bimby

Ingredientes

– 1000 g água

– 800 g feijão encarnado cozido, escorrido

– 350 g batatas, cortada em cubos

– 20 g coentros

– 1 farinheira

– 1 cebola

– 1 dente de alho

– 1 folha de louro

– 0.5 cabeça de porco fumada, fumada (pequena), cortada em pedaços

– 0.5 chouriço de carne, às rodelas

– 0.5 chouriço de sangue, às rodelas

– sal, q.b.

– pimenta, q.b.

Modo de Preparação

– Coloque na Varoma a farinheira e reserve.

– No copo, coloque a água, a cabeça de porco e programe 60 min/100°C/Counter-clockwise operation/velGentle stir setting. Retire e reserve a carne e o caldo.

– Coloque no copo a cebola, o alho e pique 5 seg/vel 5.

– Adicione o feijão, os chouriços de carne e de sangue, a batata, a folha de louro, os coentros, o sal, a pimenta, o caldo reservado, a Varoma e programe 15 min/Varoma/ Counter-clockwise operation/ VelGentle stir setting.

– Coloque numa terrina o porco reservado e cortado em pedaços pequenos, a farinheira às rodelas e regue com a sopa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.