Início Cultura Língua Portuguesa: se não ou senão?

Língua Portuguesa: se não ou senão?

Se não sabe quando usar se não ou senão, atente nas nossas explicações de língua portuguesa e tire todas as suas dúvidas sobre esta matéria.

se não ou senão
Língua Portuguesa: se não ou senão?

Língua Portuguesa: se não ou senão?

Se não sabe quando usar se não ou senão, atente nas nossas explicações de língua portuguesa e tire todas as suas dúvidas sobre esta matéria.

A língua portuguesa está cheia de particularidades e talvez seja isso que a torna tão única e encantadora. Dominar essas subtilezas, faz de nós honrosos defensores do idioma de Camões e torna-nos mais credíveis perante um auditório com que comuniquemos.

O caso de hoje trata da junção ou separação de dois vocábulos, o que faz toda a diferença. Descubra que diferença é essa e saiba como e quando aplicar cada uma destas formas. Depois de apreender as regras gramaticais que o explicam, não deixe de fazer um mini-teste para pôr os seus conhecimentos à prova.

Língua Portuguesa: se não ou senão?

se não ou senão
Língua Portuguesa: se não ou senão?

Tratam-se de duas palavras (“se” conjunção condicional, pronome ou partícula apassivante + “não” advérbio negativo) que expressam sempre uma condição. Por exemplo:

  • “Se não te portares bem, aborreço-me.”
  • “Se não comeres, adoeces.”
se não ou senão
Língua Portuguesa: se não ou senão?

Trata-se de uma só palavra, pode ser substantivo, conjunção, advérbio ou preposição e é sinónimo de:

  • caso contrário, de outro modo (Por exemplo, “Apressa-te, senão perdemos o avião.”);
  • mas, porém (“Não na cidade, senão no campo.”);
  • exceto, a não ser (“Ninguém disse nada senão o pai.”);
  • defeito (“Não há bela sem senão.”).
se não ou senão
Língua Portuguesa: se não ou senão?

Uma forma bastante prática e simples de saber quando usar cada uma destas formas é substituir a palavra em causa por uma outra expressão como – “caso não”. Sempre que essa substituição for possível e funcionar, significa que a forma que deve usar é “se não”, em separado. Caso a substituição não faça qualquer sentido, opte por usar a palavra “senão”.

Agora, teste o que aprendeu!

    1. Quem poderia ser senão/se não tu?
    2. Achas que haveria milhões de pessoas em frente ao televisor senão/se não tivesse uma boa imagem?
    3. Desliga o botão, senão/se não o aparelho consome muita energia.
    4. A vida não é senão/se não uma ilusão.
    5. Apresse-se, senão/se não chegaremos tarde.
    6. Senão/Se não chover, vamos à praia.
    7. Senão/Se não sabe, deve informar-se.
    8. Não era nem um nem dois, senão/se não três.
    9. Feche a porta, senão/se não entra frio.
    10. Senão/Se não trouxer os documentos, não será aceite.
    11. Ninguém, senão/se não tu, sabe a verdade.
    12. Já acabei o trabalho, porque não existiu nenhum senão/se não neste projeto.
    13. Anota o meu número, senão/se não esqueces.
    14. As crianças não querem outra coisa senão/se não brincar.
    15. Senão/Se não fizer sol, ficaremos por casa.

Autora: Teresa Santos

_

Teresa Santos
Com formação em Humanidades, tem na investigação e na escrita a sua principal atividade. (exclusivamente responsável pelo conteúdo textual).

1 COMENTÁRIO

  1. “Tratam-se” de pormenores ou trata-se de erros estruturais, que ouvimos repetidamente na comunicação social e até a professores de português?!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.