Início Cultura Língua Portuguesa: devemos usar «requerente» ou «requisitante»?

Língua Portuguesa: devemos usar «requerente» ou «requisitante»?

Será que sou requerente ou requisitante, quando peço algo em determinada instituição? Saiba mais sobre o assunto...

requerente
Língua Portuguesa: devemos usar «requerente» ou «requisitante»?

Será que sou requerente ou requisitante, quando peço algo em determinada instituição? Saiba mais sobre o assunto…

A língua portuguesa tem termos sinónimos; tem outros que são só parecidos, mas não têm significados semelhantes; havendo ainda quem aumente a confusão, criando “palavras” que nem existem. Portanto, há um universo de palavras bastante complexo, tornando fácil o surgimento de confusões, de dúvidas, de gaffes que podem originar momentos indesejados.

Estamos constantemente a ser bombardeados com conteúdos distintos, seja na televisão, no computador, nos jornais, nas revistas. Esse conteúdo abundante contém inúmeras palavras, muitas delas são do nosso conhecimento. Contudo, algumas delas lançam-nos para um mar de dúvidas. Ficamos logo com a sensação de que estamos a “nadar fora de pé”, o que é algo perigoso.

Se não esclarecemos as nossas dúvidas, estamos sujeitos ao erro, tornando-o provável. Convém esclarecer logo as dúvidas que temos para não mancharmos a nossa reputação com gaffes embaraçosas. Momentos que até podem ser divertidos para outros, mas que se tornam humilhantes para nós. Quer um exemplo de palavras que causam essa confusão?

Língua Portuguesa: devemos usar «requerente» ou «requisitante»?

Será que devo usar «requerente» ou «requisitante»?

Exercício

Para colocar em prática os seus conhecimentos sobre a língua portuguesa, propomos algumas questões que testaram as suas capacidades em distinguir qual das palavras estará correta. Será que devo usar “requerente” ou “requisitante”?

01 “Para o PCP, partido requerente, o Governo não ouviu a posição das várias entidades ligadas ao processo…”

02  “Para o PCP, partido requisitante, o Governo não ouviu a posição das várias entidades ligadas ao processo…”

03 “A nova aplicação também permite que o resultado seja remetido eletronicamente ao hospital requerente.”

04 “A nova aplicação também permite que o resultado seja remetido eletronicamente ao hospital requisitante.”

Questão: Será que a forma correta é “requerente” ou será que é “requisitante? Ou será que ambas as formas são toleradas na língua portuguesa?

Leia também:

Será que devo usar «requerente» ou «requisitante»?

O significado do(s) conceito(s)

Requerente

Termo que vem do latim vulgar requaerente-, com o mesmo significado, particípio presente de requaerĕre, «pedir; requerer». O termo requerente é adjetivo, significando que (se) faz um requerimento. É ainda nome de 2 géneros, sendo o requerente pessoa que pede alguma coisa por meio de requerimento. O requerente é o que ou quem requer ou solicita algo.

Por exemplo, X foi a entidade requerente… ou, então, o tribunal de Vila Nova de Gaia recusou a pretensão da requerente Y. O requerente é o indivíduo que solicita algo através de um requerimento, ou seja, é o que se diz de quem realiza um requerimento.

Requisitante

O termo requisitante é outro adjetivo ou nome de 2 géneros, significando que ou a pessoa que requisita, pede ou exige. O termo surge da junção de “requisitar”+”ante”. Assim, o requisitante é quem requisita ou faz uma requisição.

Resposta

Assim, percebemos que as duas formas existem e estão corretas. Ambas as formas significam algo semelhante. Requisitante e requerente têm como significado «pessoa que exige ou pede algo».

Por exemplo, o requisitante/requerente deve preencher este formulário. Assim, as duas formas existem na Gramática Portuguesa. Requerente e requisitante têm o mesmo significado. No entanto, em contextos de formalidade legal, é usada a expressão requerente.

Agora que ficou completamente esclarecido quanto ao significado de ambos os conceitos, seguramente que sentirá outra confiança quando tiver de decidir qual deles usar.

Sempre que lhe surgir a dúvida entre usar requisitante/requerente, deve apenas ter em conta que o termo requerente deve ser escolhido quando se trata de contextos de formalidade legal. No que diz respeito a outros contextos, é indiferente. Pode usar qualquer um deles.

NCultura

Se gostou deste artigo, reaja a ele e faça um comentário!

Se gostou deste tema pode procurar outros artigos sobre Língua Portuguesa no NCultura. Se tem outros temas que pretende que sejam explorados pelo NCultura, deixe-nos sugestões. Se é apaixonado pela língua portuguesa, saiba que há muitos mais artigos para ler no NCultura.

Apaixone-se pelo NCultura e explore diferentes temáticas: turismo e viagens, saúde, gastronomia, cultura, histórias, entre outras…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.