Início Cultura Língua portuguesa: 10 palavras para aplicar esta semana

Língua portuguesa: 10 palavras para aplicar esta semana

Que palavras portuguesas aprendeu hoje? Aprenda palavras interessantes e aplique-as! Confira estas 10 palavras para aplicar esta semana.

10 palavras para aplicar
Língua portuguesa: 10 palavras para aplicar esta semana

Que palavras portuguesas aprendeu hoje? Aprenda palavras interessantes e aplique-as! Confira estas 10 palavras para aplicar esta semana.

Gosta de desafios? E se forem desafios que impliquem que tente melhorar os seus conhecimentos sobre a língua portuguesa? Como sabemos, ela contém inúmeras palavras. O desafio é simples e prático.

Iremos apresentar 10 palavras interessantes da língua portuguesa e o desafio é que as use ao longo desta semana. Se não as conhece, iremos expôr os seus significados para que fique com total conhecimento sobre elas. Se as conhece, o desafio é o mesmo: aplicá-las nos dias que se seguem à leitura do presente artigo ou, idealmente, no próprio dia!

Língua portuguesa: 10 palavras para aplicar esta semana

Heterogeneidade

Este substantivo feminino revela qualidade ou característica do que é heterogéneo, sem uniformidade, coerência e/ou correspondência. Particularidade do que é composto por partes distintas; inomogeneidade.


Leia também: Dúvidas de Português: 52 palavras parecidas com significados diferentes


Monocórdico

Este adjectivo é próprio da música. Significa que só tem uma corda; que não apresenta variação. No sentido figurado, significa que é monótono, enfadonho. O discurso daquele político é monocórdico.

Proselitismo

Este substantivo masculino significa zelo, atividade ou esforço para fazer prosélitos ou converter certas pessoas a uma determinada religião, a um partido, em particular, a certa causa ou a uma determinada ideia. Conjunto de prosélitos.

Procrastinar

Verbo transitivo que significa deixar para depois; adiar, postergar, protrair. É verbo intransitivo que significa usar de delongas; delongar, demorar, postergar.

Procrastinar é um termo que tem origem no latim procrastinatus, procrastinare, que significa, literalmente, “à frente de amanhã”.

Inerente

Termo que vem do latim inhaerens, estar ligado a. É um adjectivo de dois géneros que significa intimamente unido. Algo que é atributo ou propriedade de algo ou alguém. Idêntico a intrínseco.

Inerente é algo que faz parte de uma pessoa ou de alguma coisa. É semelhante a algo inseparável.

Infodemia

Termo que vem do inglês infodemic, que é uma junção de info (de information, informação) +demic (de epidemic, epidemia). Este substantivo feminino é relativo a excesso de informação sobre um determinado tema.

Informação que, muitas vezes, se revela descuidada, incorrecta, sendo produzida por fontes não verificadas ou pouco fiáveis, sendo um fluxo de informação que se propaga velozmente e em que há dificuldade em fazer um cabal esclarecimento.

Sapiência

Termo que vem do latim sapientĭa, aptidão, capacidade, habilidade. Este substantivo feminino é referente a característica ou atributo do que é sapiente. Alguém que demonstra sabedoria ou erudição; demonstra sapiência.

Sapiência é grande quantidade de conhecimento e/ou sabedoria; sabedoria divina. Oração de sapiência é o discurso de abertura de uma universidade ou outra escola de nível superior e marca o (re-)início das aulas.

Astúcia

Termo que vem do latim astutĭa. Este substantivo feminino é referente à habilidade de enganar. Astúcia é esperteza, manha, sagacidade. É também a qualidade de quem age de modo a tirar benefícios e vantagens às custas de outras pessoas; ardil.

Astúcia é característica da pessoa astuta, sagaz, ardilosa, velhaca. Por extensão, astúcia é um termo que se refere ao comportamento de quem é travesso ou traquinas; traquinice.

Cônjuge

Termo que vem do latim conjŭge. É um substantivo masculino referente a alguém em relação à pessoa com quem se casou. É cada um dos esposos, um em relação ao outro: a esposa é cônjuge do esposo e assim vice-versa.


Leia também: 10 palavras da Língua Portuguesa com diferentes significados


Cônjuge é cada uma das pessoas que faz parte de uma relação definida pelo casamento: “Os cônjuges prescindiram da lua de mel”. Um cônjuge é a pessoa com quem se tem uma relação semelhante à de um casamento; é a pessoa com quem se vive de modo matrimonial.

Intrínseco

Termo que vem do latim intrinsĕcu, «interior», “que está localizado no interior de algo ou alguém”. Intrínseco é um adjetivo que significa que faz parte da essência de alguém; que é inerente. Algo intrínseco é algo característico, próprio, essencial ou fundamental; qualidade intrínseca; que está ligado ou faz parte da essência de um objeto, pessoa ou realidade; que é essencial, inerente.

Algo intrínseco é algo que existe por si só e se estabelece fora de qualquer convenção (o valor intrínseco de uma moeda). É algo que está no interior, na parte interna de; interno. Na anatomia, é algo que se origina e incide no local em que age. Na física, intrínseco é algo que decorre de maneira igualitária.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.