Início Tradições Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Aprenda a escolher as melhores sardinhas

As sardinhas são um produto delicioso que muitos portugueses amam e que se tornou um símbolo do país. Por isso é conveniente aprender a escolher as melhores sardinhas.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

As sardinhas são um produto delicioso que muitos portugueses amam e que se tornou um símbolo do país. Por isso é conveniente aprender a escolher as melhores sardinhas. Quem nunca comeu sardinhas em época de santos populares? Nem todos adoram, pois há quem seja alérgico a comer peixe… Mas ela é adorada por muitos portugueses e por muitos turistas que não resistem em saborear o petisco em época de arraiais.

Contudo, a bela da sardinha, que se quer pequenina, esconde alguns segredos. Quer saber tudo o que precisa sobre este alimento tão especial para os portugueses e que integra várias receitas?

Aprenda a escolher as melhores sardinhas

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

O peixe maravilha: a sardinha

A sardinha pode não ser o maior peixe do mundo, pode não ser o melhor peixe do planeta, mas é seguramente um dos mais importantes para o nosso país. É um produto tão especial para os portugueses que se tornou num símbolo de Portugal.


Leia também: 9 passos para fazer os melhores ovos mexidos do mundo


É, a par do bacalhau, o alimento proveniente da água com maior ligação aos portugueses. A sardinha assada revela-se um verdadeiro petisco e tem honras de protagonista em alguns dos eventos portugueses mais marcantes: as festas dos santos populares.

Há muito para saber sobre as sardinhas. Com a chegada do tempo quente, seguramente que seremos apanhados desprevenidos pelo irresistível cheiro das grelhas na rua e as sardinhas gordinhas servirão como tentação à amizade de circunstância.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Tabela de valor nutricional da sardinha assada ( 100,0 gr)

Informações nutricionais por porção % VD*
Valor energético 164.4kcal=690 8%
Proteínas 32,2g 43%
Gorduras saturadas 1,7g 8%
Gorduras monoinsaturadas 0,5g
Gorduras poliinsaturadas 0,3g
Cálcio 437,7mg 44%
Manganês 0,2mg 9%
Magnésio 51,4mg 20%
Colesterol 109,0mg
Lipídios 3,0g
Fósforo 577,8mg 83%
Ferro 1,3mg 9%
Potássio 574,3mg
Cobre 0,1ug 0%
Zinco 1,8mg 26%
Niacina 5,8mg 32%
Tiamina B1 0,1mg 7%
Sódio 74,5mg 3%

(*) O percentual do valor diário (VD) é baseado numa dieta de 2.000 calorias.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Qual a melhor altura para saborear a sardinha?

Mesmo compreendendo que os pescadores tenham a necessidade de alimentar a sua família, infelizmente a pesca nem sempre tem em consideração a época de reprodução dos peixes. Se se evitasse a pesca nessa época, seria mais fácil preservar as espécies em estado selvagem. Com a sardinha isso acontece, mas o mesmo devia ser feito com todos os peixes. Há uma época certa para comer a sardinha (o mesmo ocorre com a lampreia, por exemplo).

A sardinha é um peixe delicioso que deve ser comido no verão. É quando se apresenta no seu melhor, mais gordinha. Por isso, deve comer-se a sardinha de julho até meados de setembro. Embora, em junho, já haja sardinha de forma abundante, ela ficará bem melhor a partir de finais de julho, apresentando-se mais gorda.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Por que razão é um símbolo de Portugal?

Nas histórias familiares dos elementos mais antigos, principalmente no contexto do início do século XX, há sempre relatos de se dividir uma sardinha por muitos filhos. A sardinha era um peixe abundante por toda a costa, por isso era mais barato, havendo ainda em conserva.

A sardinha tornou-se num peixe estimado e, por essas características, integra as celebrações populares. A sardinha está associada às festas dos santos populares, pois muitas delas ocorrem na época em que a sardinha está na sua melhor forma. Está, por isso, ligada a datas importantes e a festas tão emblemáticas como o São João ou o Santo António.

As casas que vendem artigos para turistas têm inúmeros artigos dedicados às sardinhas (de muitas cores e muitos feitios). Ela tornou-se num autêntico símbolo do nosso país e da nossa alimentação.

Se formos a uma aldeia e perguntarmos às pessoas mais velhas, todas se lembram de comer muita sardinha quando eram jovens, nos anos 20/30. E era uma sardinha para muitas pessoas, com os rapazes a ficarem com a cauda, por ter mais carne e eles precisarem de mais energia por terem trabalhos mais pesados.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Por que deixou de ter um preço barato?

As quotas para a pesca, impostas pela União Europeia, estão na origem da subida do preço da sardinha pois, apesar de continuar a ser um peixe abundante, o preço está muito diferente do de outros tempos, nomeadamente na época das festas dos santos, devido à elevada procura.

Contudo, depois destas festas, os preços baixam e estabilizam, o que é algo positivo, pois nesse momento a sardinha ainda está boa e gorda.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Como se deve comer a sardinha?

Com a boca, claro! Mas há muitas receitas que permitem usufruir deste delicioso peixe. Embora os aficionados afirmem que é na brasa. A petinga, a sardinha ainda mais pequena, come-se frita (com espinhas e tudo!).

Nós, conscientemente, falamos em comer sardinha assada, mas na verdade comemos sardinha grelhada, pois para ser assada teria de ser cozinhada num recipiente fechado. É uma confusão consciente que ocorre com outros produtos alimentares.

Em suma, a sardinha é um alimento versátil e não faltam receitas que permitem saborear este petisco.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Como sabemos se a sardinha está boa?

Por vezes, pretendemos comprar sardinha fresca, mas trazemos gato (leia-se sardinha) por lebre (leia-se sardinha que não está fresca).


Leia também: 4 receitas de arroz no forno muito práticas e deliciosas


Para assegurar que tem uma sardinha fresca, tem de pegar nela e ela deve manter-se firme e dura. Se ficar mole, não está boa e isso pode ser testado pelo o rabo: se este abanar ou ficar pendurado é por que deve procurar outra peixaria…

Mesmo depois de cozinhada, a sardinha boa é a que estiver mais rija, se a apertar com o dedo.

escolher as melhores sardinhas
Aprenda a escolher as melhores sardinhas

Receita de Sardinhas ao forno

Ingredientes

– 6 azeitonas verdes fatiadas

– 2 latas de sardinha cortadas ao meio

– 2 dentes de alho fatiados

– 2 tomates médios cortados em rodelas

– 2 batatas médias cozidas cortadas em rodelas

– 2 ovos cozidos cortados em rodelas

– 1 cebola média cortadas em rodelas

– Meio pimento pequeno verde cortado em rodelas

– Meio pimento pequeno vermelho cortado em rodelas

– 1 colher (sopa) de azeite

– Salsa picada

Modo de Preparação

– Num pirex, coloque as batatas, os pimentos, as sardinhas cortadas ao meio, a cebola, o alho e os tomates.

– Numa tigela pequena, misture o óleo da sardinha e o azeite e regue os ingredientes.

– Pré-aqueça o forno a 180º C e leve o pirex ao forno por 15 minutos.

– Retire do forno, distribua as azeitonas e os ovos e polvilhe com salsa. Sirva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.