Início Cultura Língua Portuguesa: 13 palavras cujo significado mudou

Língua Portuguesa: 13 palavras cujo significado mudou

Enquanto o tempo decorre, as mudanças surgem, mesmo na língua portuguesa. Muitas palavras modificaram o seu sentido. Conheça 13 palavras cujo significado mudou.

palavras cujo significado mudou
Língua Portuguesa: 13 palavras cujo significado mudou

Enquanto o tempo decorre, as mudanças surgem, mesmo na língua portuguesa. Muitas palavras modificaram o seu sentido. Conheça-as 13 palavras cujo significado mudou.

A evolução de um determinado povo pode ser confirmado na linguagem. Existem muitas alterações que são feitas nas línguas que são sintomáticas dos novos tempos. A língua portuguesa acompanha o progresso e o desenvolvimento da vida.

Ocorreram diversas mudanças na língua portuguesa ao longo do tempo. Muitas palavras deixaram de ser usadas. Os arcaísmos são qualquer coisa antiquada, obsoleta ou fora de moda. Arcaísmo vem do grego arkhaïsmós, que significa «imitação dos antigos», pelo latim archaismu-, «arcaísmo». Arcaísmo é nome masculino que significa palavra, expressão ou construção que deixou de ser utilizada numa língua. É maneira de falar ou escrever fora de uso.

Contudo, há palavras que não sendo só usadas como outrora, passaram a acumular novos sentidos, novos significados que são reflexo dos novos tempos. Reunimos palavras que têm hoje outros significados. O que estas palavras significam atualmente não é, necessariamente, aquilo que significavam há uns anos ou séculos. Quer saber mais? Então, confira a lista que preparámos para si!

Língua Portuguesa: 13 palavras cujo significado mudou

Sofisticado

Originalmente, identificar alguém como sofisticado não era algo propriamente elogioso.

Este termo advém do verbo “sofismar” que significa “iludir”. Logo, algo sofisticado era entendido originalmente como sendo algo falso.

Leia também:

Anedota

Esta palavra, atualmente, é considerada como a narração breve e frequentemente jocosa de um determinado facto histórico ou imaginário, que visa promover o riso.

No entanto, o termo vem do grego anékdotos que tinha como significado: inédito, não publicado, ou também não conhecido.

Preservativo

Tendo originalmente o sentido de “aquilo que preserva”, é hoje um termo mais usado no sentido de método contracetivo. Um importante objeto que permite que se tenha relações sexuais com inteira segurança.

Emboscada

Este termo vem do italiano imboscata e deriva de imboscare, termo que originalmente significava esconder animais ou pessoas num bosque (bosco significa bosque em italiano).

Atualmente, este é um termo que está ligado a uma estratégia militar, uma determinada operação ofensiva que é realizada de surpresa por uma força instalada contra elementos inimigos.

Célula

Apesar de nos lembrarmos dos cadernos e manuais da disciplina de Ciências, objeto importante em que estudávamos a célula e a composição das diferentes unidades de vida; a realidade é que célula também pode significar uma pequena cela.

Percalço

Esta palavra, no passado, significou, praticamente, o oposto daquilo que significa atualmente, o que torna surpreendente a sua evolução. Se disser que tivemos um percalço financeiro, quer dizer que perdeu dinheiro ou teve uma despesa inesperada.

No entanto, no passado, esta palavra significou “lucro” ou “ganho”.

Armário

Sendo hoje em dia entendida como um móvel que pode ser feito tendo por base materiais distintos (como madeira, metal ou outro), algo que tem gavetas e portas e serve para guardar diversos objetos (como roupa, loiça, livros,…); no passado, esta palavra teve outro significado.

Originalmente, armário, que é um termo que vem do latim armarïu, era um termo que era referente ao móvel onde se guardam armas.

Autópsia

Atualmente, esta palavra é imediatamente associada à análise feita aos corpos de cadáveres. Mas este é um novo significado desta palavra.

Originalmente, o termo autópsia tinha como significado o “exame de si mesmo”. Tendo em conta o significado inicial da palavra autópsia, podemos concluir que este termo não é o mais adequado para o ato de examinar um cadáver, pois uma autópsia não é feita pela própria pessoa, logo o melhor termo para esta ação é necropsia.

Assassino

Se hoje em dia associamos a palavra assassino a alguém que assassina, isto é, que mata, a alguém que é mortífero, nem sempre foi assim. Um assassino é uma pessoa que mata outra de modo premeditado ou na sequência de uma ação violenta. Também usamos a palavra no sentido figurado, associando o termo a alguém que destrói.

No entanto, originalmente, este termo veio do árabe hassasi, isto é, bebedor de haxixe (pelo italiano assassino). Os “hachachi” eram pessoas consumidoras desta bebida alcoólica que é extraída das folhas de cânhamo (canabis sativa). Os assassinos originais integraram uma seita xiita do século XI, que tinha Hassan Al-Shabbah como líder. Estes teriam como hábito consumir esta bebida, antes de perpetrarem os seus ataques.

Piscina

Esta palavra é antiga, sendo usada no tempo dos romanos. Ela referia-se a uma espécie de lago com peixes.

Hoje em dia, o seu uso em nada se assemelha ao sentido original. As piscinas dos nossos dias são usadas apenas para nadar e para situações de lazer. Se tiverem peixes, não as queremos usar…

Formidável

Esta é outra palavra surpreendente, pela mudança no seu significado. Atualmente, usamos este termo para descrever algo maravilhoso e quase perfeito, não é? Contudo, antigamente, esta expressão era entendida como algo “pavoroso” e “terrorífico”.

Restaurante

Esta palavra, hoje, significa que restaura, do latim restaurante. É, ainda, casa onde se preparam e servem refeições ao público.

No entanto, no século XVI, tinha o significado de alimento revigorador das forças. Os locais onde era servido este caldo de carne concentrado passaram a ter o mesmo nome que o prato, restaurante. Restaurante, o alimento, restaurava não apenas o ânimo físico, mas também o ânimo moral.

Carregador

Originalmente, este termo designava o homem que carregava. Hoje, é um termo muito comum. Contudo, ele identifica o equipamento que permite dar carga elétrica a aparelhos tecnológicos, nomeadamente o telemóvel.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.