Início Notícias Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”. O vinho da CM Wines venceu a 11ª edição do troféu "Melhor Vinho", da Com. Vitivinícola Regional do Dão.

Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”. O concurso da Comissão Vitivinícola Regional do Dão elegeu o Tinto “Allgo” Touriga Nacional de 2016 como o “Melhor Vinho do Dão”. A cerimónia teve lugar no Solar de Vinho do Dão.

O evento distinguiu com medalhas de ouro, prata e platina mais de 40 referências de vinho daquela região demarcada. Fique a saber mais sobre este concurso e os resultados divulgados.

Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Cláudio Martins, CEO da Martins Wine Advisor e jurado no Decanter Wine Awards, presidiu ao concurso, estando acompanhado por um painel de jurados muito rico, composto por quase 30 elementos, entre os quais se encontravam enólogos, ‘sommeliers’, críticos de vinhos de imprensa especializada e membros de empresas ligadas à distribuição de vinhos.


Leia também: Vinhos Tintos Borges conquistam cinco medalhas de Ouro


Em prova, estiveram 164 amostras de vinhos DOP Dão, oriundas de 45 produtores (mais 12 que em 2019). Falamos de vinhos brancos, vinhos tintos, vinhos rosados, vinhos de castas (monovarietais) e espumantes naturais (brancos, tintos e rosados).

Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Balanço

Independentemente dos vencedores, o Presidente da Comissão Vitivinícola Regional do Dão, Arlindo Cunha, declarou que os jurados consideraram todos os vinhos em prova de qualidade excecional. Neste sentido, Arlindo cunha afirmou mesmo que: “A região produz vinhos muito elegantes e equilibrados, que têm vindo a afirmar-se cada vez mais no panorama internacional.”

Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

CM Wines, a grande vencedora

A CM Wines, produtora vencedora do principal prémio do concurso, pertence a José António Costa Marques. Este empresário, que trabalha na Alemanha, adquiriu há 20 anos uma parcela de terra com dois hectares na zona de Silgueiros (Viseu), com o intuito de produzir vinhos.

Foi em 2004 que fundou a empresa familiar CM Wines e, desde aí, tem aumentado a sua produção vinícola, apostando sempre na qualidade.

Atualmente, a CM Wines já conta com 12 hectares de terreno, em cinco parcelas distintas, e dois hectares de olival.

Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Outros premiados

Como já dissemos, foram vários os vinhos a destacarem-se neste concurso. Por isso, vale a pena conhecer os outros premiados e medalhados.

Medalha de platina

– Abanico (Branco, 2018), O Abrigo da Passarela, Lda;

– Casa de Santar (Tinto, 2014), Sociedade Agrícola de Santar, S.A.;

– A Descoberta (Rosado, 2019), O Abrigo da Passarela, Lda.;

– Adro da Sé (Branco, 2017), UDACA – União das Adegas Cooperativas do Dão, UCRL.

Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Medalha de prata

– Quinta do Sobral 2017, Quinta do Sobral – Engarrafamento e Comercialização de Vinhos, L.da;

– Grande Villae 2018, Taboadella, S.A.;

– Cabriz 2019, Global Wines 2019, S.A.;

– Fonte do Ouro 2018, Sociedade Agrícola Boas Quintas, L.da;

– Adega de Penalva 2017, Adega Cooperativa de Penalva do Castelo CRL;

– Donnaires 2015, Carlos A G Gomes – Cabeça de Casal da Herança;

– Taboadella 2018, Taboadella, S.A.;

– UDACA 2014, UDACA – União da Adegas Cooperativas do Dão, UCRL;

– Casa de Santar Vinha dos Amores 2014, Sociedade Agrícola de Santar, S.A.;


Leia também: Vinho tinto nacional ganha medalha de ouro no Japão


Melhor Vinho do Dão
Tinto nacional conquista troféu “Melhor Vinho do Dão”

Medalha de ouro

– Casa de Santar 2017, Sociedade Agrícola de Santar, S.A.;

– Outono de Santar 2013, Sociedade Agrícola de Santar, S.A.;

– Quinta dos Carvalhais, Sogrape Vinhos, S.A.;

– Tesouro da Sé 2017, UDACA – União da Adegas Cooperativas do Dão, UCRL;

– Adega de Penalva 2016, Adega Cooperativa de Penalva do Castelo, CRL;

– Pingo Doce 2018, Adega Cooperativa de Silgueiros, CRL;

– Tazem 2012, Adega Cooperativa de Vila Nova de Tazem, CRL;

– Wine Note 2015, Jorge Almeida Ferreira dos Reis;

– Quinta da Ponte Pedrinha 2014, Maria de Lourdes M O Nunes Albuquerque Osório;

– Villa Oliveira 2014, O Abrigo da Passarela, L.da;

– Abanico 2016, O Abrigo da Passarela, L.da;

– Pedra do Gato 2017, Passarela – Sociedade de Vinhos, L.da;

– Quinta da Fata 2014, Quinta da Fata – Agricultura e Turismo, L.da;

– Quinta do Perdigão 2006, Quinta do Perdigão – Sociedade Unipessoal, L.da;

– Quinta dos Carvalhais 2017, Sogrape Vinhos, S.A.;

– Soito 2015, Soito Wines, L.da;

– Invulgar 2017, UDACA – União da Adegas Cooperativas do Dão, UCRL;

– Dom Vicente 2018, Artemis – Projectos e Desenvolvimento Agrário, L.da;

– Chão da Quinta 2017, Chão de São Francisco – Soc. Vit. e Turismo Rural, L.da;

– Madre de Água 2016, Madre de Água, L.da;

– Casa de Santar Vinha dos Amores 2016, Sociedade Agrícola de Santar, S.A.;

– Adega de Penalva 2018, Adega Cooperativa de Penalva do Castelo, CRL;

– Quinta da Ponte Pedrinha 2015, Maria de Lourdes M O Nunes Albuquerque Osório;

– Casa de Santar Vinha dos Amores 2014, Sociedade Agrícola de Santar, S.A.

– Soito 2015, Soito Wines, L.da.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.