Início Tradições Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

Uma receita tradicional e com mais de uma versão. Aprenda a fazer as deliciosas castanhas de ovos, uma especialidade da doçaria conventual portuguesa.

deliciosas castanhas de ovos
Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

Uma receita tradicional e com mais de uma versão. Aprenda a fazer as deliciosas castanhas de ovos, uma especialidade da doçaria conventual portuguesa.

As castanhas de ovos são um doce típico de Arouca, onde também são conhecidas como Castanhas Doces de Arouca ou Castanhas Doces de Amêndoa, e também de Viseu por influência das freiras beneditinas.

Qualquer uma das receitas é caraterizada pela elevada quantidade de gemas e açúcar usada (algo, de resto, comum à grande maioria dos doces conventuais). Depois, há ligeiras variações locais que tornam a lista de ingredientes ligeiramente diferente. Fique a perceber como.

Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

deliciosas castanhas de ovos
Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

Receita de castanhas de ovos de Viseu

Esta receita terá tido origem no convento que ficava às portas da cidade e onde as freiras beneditinas terão começado a confecionar este doce.

Ingredientes

21 gemas

250 g de açúcar

Farinha q.b.


Leia também: 5 receitas divinais da doçaria conventual portuguesa


Modo de Preparação

– Leve o açúcar ao lume com um pouco de água até obter ponto de rebuçado/bola dura

– Retire do lume, deixe arrefecer e junte 20 gemas, previamente misturadas sem serem batidas.

– Leve novamente ao lume, mexendo até que o preparado se solte do fundo tacho.

– Retire do lume e deixe arrefecer.

– Com um pouco de farinha, tenda os doces em forma de castanhas, bolas ou croquetes.

– Disponha num tabuleiro com algum espaço entre si, para que possam crescer.

– Pincele com a gema de ovo restante e faça uns riscos na superfície.

– Leve ao forno a 240ºC, por 10 minutos.

– Sirva em forminhas de papel frisado.

Nota: Na versão mais tradicional, os doces são pincelados com a gema e espetados num pau de loureiro, sendo depois levados a crestar numa chama ou lume em brasa.

deliciosas castanhas de ovos
Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

Receita de castanhas de ovos de Arouca

Como já dissemos, em Arouca este doce é também conhecido como Castanhas Doces de Amêndoa. Isto, porque além de gemas e açúcar, esta versão inclui amêndoa.

A origem desta receita remonta às freiras Bernardas, do Convento de Arouca. Estes doces seriam especialmente feitos e vendidos em dias de festa litúrgica, como o Natal, a Páscoa e, neste caso, a Festa da Rainha Santa Mafalda.

Ao contrário das castanhas de ovos de Viseu, estas apresentam uma textura mais pastosa e consistente, precisamente devido ao uso da amêndoa.

Ingredientes

375 g de miolo de amêndoa

350 g de açúcar

150 ml de água

16 gemas

Farinha p/ tender

Modo de Preparação

– Pique a amêndoa e reserve.

– Leve o açúcar e a água ao lume, deixando ferver até a calda atingir ponto de pérola.

– Acrescente a amêndoa picada e deixe ferver alguns minutos.

– Retire do lume, deixe amornar e junte 15 gemas batidas.

– Leve novamente ao lume, mexendo sempre, até atingir ponto estrada.

– Verta o doce sobre uma superfície e, com um pouco de farinha, retire pedaços e tenda-os com o formato de castanhas.

– Disponha num tabuleiro, pincele com a restante gema batida e leve cozer, em forno quente (240º C), por alguns minutos.

– Sirva em caixas de cartão ou metal.

Nota: Também pode, depois de pincelar as castanhas com o de ovo, queimá-las com o maçarico ou crestar com o ferro do leite-creme.

deliciosas castanhas de ovos
Doçaria Conventual e as deliciosas castanhas de ovos

Receita de castanhas de ovos com licor

E como versões nunca faltam, aqui fica uma outra receita de castanhas de ovos, a qual ainda inclui licor, limão e canela ao preparado.


Leia também: Doçaria Conventual portuguesa e o bolo de Santa Eulália


Ingredientes

500 g de açúcar

200 g de amêndoa moída (ou 100 g de amêndoa + 100 g de miolo de pão ralado)

12 gemas

1 ovo

1 pau de canela

Água q.b.

Casca de 1 limão

Licor a gosto

Açúcar em pó p/ polvilhar

Modo de Preparação

– Leve um tacho ao lume com o açúcar, água até tapar o açúcar, o pau de canela e cascas de limão, deixando levantar fervura.

– Junte o licor e deixe ferver por 6 minutos.

– Bata ligeiramente as gemas e junte-lhes a calda.

– Leve novamente ao lume até engrossar.

– Adicione a amêndoa moída (ou a mistura de amêndoa e pão) e, mantendo o lume brando, mexa bem até engrossar. O doce está pronto quando se soltar do tacho.

– Depois de frio, com as mãos oleadas ou com um pouco de farinha, molde pequenas bolas e dê-lhes a forma de castanhas.

– Pincele com o ovo batido e risque a superfície com um garfo.

– Polvilhe com açúcar em pó e queime com um ferro quente ou maçarico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.