Início Tradições O Vinho Tinto deve guardar-se no frigorífico?

O Vinho Tinto deve guardar-se no frigorífico?

Sabia que o vinho tinto deve guardar-se no frio? Especialistas do Daily Mail defendem que o vinho tinto deve guardar-se no frigorífico.

Tinto deve guardar-se no frigorífico
O Vinho Tinto deve guardar-se no frigorífico?

Sabia que o vinho tinto deve guardar-se no frio? Especialistas do Daily Mail defendem que o vinho tinto deve guardar-se no frigorífico.

A fonte merece todo o nosso respeito, o famoso jornal britânico Daily Mail. A conclusão de que o vinho deve guardar-se no frigorífico é defendida por verdadeiros especialistas.

Portugal é um país com particular interesse por vinhos. São muitas as empresas ligadas a este intrigante universo que demonstra, todos os anos, a grande capacidade em produzir bons vinhos.

É rara a família que não se faça acompanhar por uma (ou mais…) garrafa de vinho à refeição. Além de ajudar a comida a “descer”, contribui para que o serão seja mais animado.

Tinto deve guardar-se no frigorífico
O Vinho Tinto deve guardar-se no frigorífico?

A fonte

O jornal britânico Daily Mail é a fonte que revela que o vinho deve guardar-se no frigorífico. Este famoso periódico tem um percurso longo, tendo sido publicado pela primeira vez no ano de 1896 (foi fundado a 3 de maio).

Depois do não menos célebre The Sun, é seguramente o jornal britânico mais popular. Publicado com uma periodicidade diária, daí o nome Daily Mail, este jornal possui uma fantástica tiragem, superior a 1.000.000!

Tinto deve guardar-se no frigorífico
O Vinho Tinto deve guardar-se no frigorífico?

A tese

Muitos são os apreciadores de vinho tinto que colocam a sua garrafa em temperatura ambiente (alguns chegam mesmo a aquecer a garrafa), pois julgam ser essa a temperatura ideal para consumir o vinho. Contudo, especialistas defendem que se deve acabar com essa velha tradição…

A especialista

Entre esses especialistas de vinhos está Jancis Robinson. Jancis tem um percurso impressionante nesta temática, sendo uma autoridade inquestionável nesta área. Jancis defende que beber o vinho à temperatura ambiente é um erro crasso.

O editor da Oxford Companion to Wine (que representa uma série de publicações da Oxford University Press) defende mesmo que o vinho tinto tem de ser consumido frio.

A especialista Robinson argumenta no jornal britânico Daily Mail que o vinho tinto deve ser conservado no frigorífico e que este deve beber-se frio, pois: “As temperaturas baixas reduzem as reações químicas, incluindo a oxidação, que é o inimigo de uma garrafa já aberta”.

Tinto deve guardar-se no frigorífico
O Vinho Tinto deve guardar-se no frigorífico?

Vantagens

A colocação no frio de uma garrafa de vinho tinto, depois de aberta, é o procedimento mais recomendável, porque, de acordo com Robinson, a colocação da garrafa num frigorífico tem diversas vantagens. Entre elas, está naturalmente a longevidade que dá ao produto, permitindo que este permaneça em bom estado, sem estragar.

Além de durar mais, o vinho mantém as suas caraterísticas durante mais tempo. O especialista vai contra outra ideia comum, pois existem alguns tipos de brancos que devem manter-se em temperatura ambiente e não no frio, como é frequentemente defendido. Alguns tipos de branco sofrem uma alteração de sabor, como consequência da temperatura muito baixa.

A sua opinião importa, gostou deste artigo ?

Clique nas Estrelas para classificar

Classificação média / 5. Numero de classificações:

Seja o primeiro a classificar

6 COMENTÁRIOS

  1. Depois de aberto, sem duvida, que o tinto deve ir para o frigorifico para ser guardado … o que não significa que não vá perder algumas de suas qualidades, e até ter o seu sabor adulterado … e que o seja por um curto período, tal como de uma refeição para a seguinte … e não estou a referir-me a que vá ganhar os designados “sabores do frigorifico”, que os ganha mesmo se lá estiver dois ou três dias, por muito bem tapado que estaje.

  2. Sobre o tema de conservar ou não um vinho no frigorífico depois de aberto, convém observar que a sugestão do Daily Mail não constitui uma revelação, mas apenas um aviso útil aos consumidores inadvertidos. Se um vinho sobra, arolhe-se a garrafa antes de a pôr no frio. Pois já se sabe que o vinho se deteriora lentamente em contacto com o ar – e tanto mais depressa quanto mais calor fizer – ao ponto de poder azedar em alguns dias. É possível que os ingleses não o saibam tão bem como nós, daí o destaque (?).

    A recomendação, ainda no mesmo artigo do Daily Mail, de se beber um vinho tinto ligeiramente refrigerado diz respeito aos vinhos leves!

    Quanto ao costume de se beber o vinho tinto à temperatura ambiente é de facto um erro (salvo o gosto individual) se o ar estiver vários graus acima ou abaixo da temperatura mais recomendada para o vinho em causa. Se num dia frio de inverno podemos muito bem aquecer moderadamente um vinho tinto para soltar os aromas, já no verão é complicado arrefecer um vinho à temperatura certa para refrear o álcool sem perder os aromas.

    O seguinte artigo, precisamente da Sra Robinson, é esclarecedor, embora os exemplos dados se refiram naturalmente a vinhos estrangeiros (mas a tabela de temperaturas indica que os nossos vinhos estão bem rotulados quanto à temperatura de serviço, ou não fossemos um país vinícola):

    https://www.jancisrobinson.com/learn/drinking-wine/how-to-serve-wine

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.