Início Histórias Conheça o português que «descobriu» a canela

Conheça o português que «descobriu» a canela

Saiba mais sobre este produto e quais os seus benefícios. Aproveite também para conhecer o português que «descobriu» a canela.

a canela
Conheça o português que “descobriu” a canela

A canela é uma especiaria que conquistou o seu espaço na gastronomia nacional. Esta especiaria amadeirada e quente revela-se uma fonte aromática intensa. A canela é proveniente da região central de Sumatra, na Indonésia, podendo levar até 20 anos a desenvolver os óleos altamente voláteis que conferem à canela um sabor distinto e especial, algo quente, adocicado e ligeiramente picante.

Apesar da árvore caneleira ter um fruto, a canela é obtida do interior da casca de árvores do género Cinnamomum zeylanicum (família Lauráceas, Lauraceae), originárias do Ceilão (Sri Lanka), é ainda proveniente da Birmânia e da Índia. A canela é um produto carismático que se tornou essencial na quadra natalícia. Sabia que foi Lourenço de Almeida, o português que “descobriu” a canela? Conheça os seus benefícios.


Leia também: 10 benefícios da canela para a sua saúde que vai gostar de conhecer


Conheça o português que «descobriu» a canela

a canela
Conheça o português que «descobriu» a canela

Gastronomia

A canela tanto pode ser usada em pau, como em pó. Esta especiaria cai particularmente bem numa estação fria como o inverno, conferindo um toque quente aos pratos onde é integrada.

O Natal

Esta especiaria é verdadeiramente especial na época do Natal. São inúmeras as receitas clássicas que recorrem a esta especiaria nos pratos. As receitas de Natal possuem elevado valor nutritivo. Há muitos doces que são potentes e muito calóricos. E a canela está presente em várias dessas receitas de Natal.

Contida dentro do pau de canela despretensioso, está uma especiaria com um aroma e sabor distinto, pois a canela enriquece diversas receitas de Natal (e não só) com as suas características, estando presente em produtos como o vinho quente, o biscoito de gengibre, o arroz doce, a aletria, entre muitas outras receitas.

a canela
Conheça o português que “descobriu” a canela

O português

O primeiro registo da canela surgiu no Egito, mas os chineses já a conheciam há mais de 2500 anos. As pessoas inicialmente desconheciam a origem da canela e os comerciantes árabes não revelavam de onde vinha a canela. Hoje, entramos em qualquer supermercado e lá está ela!…

Mas sabia que foi um português a “descobrir” a origem da canela? Falamos de D. Lourenço de Almeida (1480-1508) que foi capitão-mor de Portugal. Lourenço foi o filho varão do vice-rei de D. Francisco de Almeida e de Brites Pereira, destacava-se por ser uma das pessoas mais altas do reino.

a canela
Conheça o português que “descobriu” a canela

No ano de 1506, chegou à ilha de Ceilão (hoje Sri Lanka) e uma vez lá submeteu o rei e foi lá que descobriu a canela. A atual Sri Lanka é a mítica Taprobana mencionada por Luís de Camões em «Os Lusíadas».

Foi uma descoberta importante, pois houve um período da história em que a canela chegou a ser mais cara do que o ouro ou a prata, tal deveu-se à dificuldade de a obter. Foi uma proeza para Portugal, pois com essa descoberta obteve o monopólio do comércio da canela, um produto caríssimo na Europa.

a canela
Conheça o português que “descobriu” a canela

Benefícios

A canela possui diversas propriedades que estão na origem de diversos benefícios para a saúde. Algo que se sabe há muito tempo, pois durante séculos a canela foi usada em função das suas qualidades medicinais, para curar maleitas e achaques.

A canela também contribui para o tratamento de problemas que surgem com maior frequência no inverno, como as gripes, as constipações e febres.

Este produto ainda combate as infeções das vias respiratórias, pois a canela possui um efeito secante nas mucosas, tornando-se um expetorante natural.

A canela estimula os sistemas: gastrointestinal, circulatório e respiratório.

a canela
Conheça o português que “descobriu” a canela

Este produto contribui para o combate a diversos problemas gastrointestinais (por exemplo: flatulência, parasitas, diarreia e espasmos intestinais), pois tem efeitos antibacteriano, antiespasmódico e anti-inflamatório.


Leia também: Benefícios da canela quando consumida regularmente


A canela também contribui para uma ação no sentido de aliviar alguns tipos de asma (a canela é antibacteriana das vias respiratórias).

Este produto também melhora a circulação sanguínea, ainda aumenta a sensibilidade e o prazer, favorecendo o contacto sexual. É, por isso, um alimento afrodisíaco. A canela desempenha ainda um papel positivo para quem sofre de problemas como: vómitos, mau hálito, pés e mãos frias.

a canela
Conheça o português que “descobriu” a canela

A canela auxilia no tratamento das dores menstruais e também das dores de cabeça.

Este produto também auxilia na redução do açúcar no sangue (sendo frequentemente recomendada em alguns casos de diabetes tipo 2).

A canela proporciona um aumento da resistência ao stress e ainda diminui a fadiga e melhora o estado de ânimo. Este produto também contribui para o combate ao colesterol, pela presença de antioxidantes.

9 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.