Início Cultura Língua Portuguesa: obrigatoridade é erro de português?

Língua Portuguesa: obrigatoridade é erro de português?

Há a obrigatoriedade de cumprir com a lei ou a obrigatoridade de cumprir com a lei? Consegue esclarecer a dúvida?

obrigatoridade
Língua Portuguesa: obrigatoridade é erro de português?

Há a obrigatoriedade de cumprir com a lei ou a obrigatoridade de cumprir com a lei? Consegue esclarecer a dúvida?

A língua portuguesa é uma ferramenta diária para muita gente. Ela é essencial para as pessoas em Portugal, seja no trabalho ou nas relações que se estabelecem no quotidiano. No entanto, a sua complexidade representa um grande desafio para muitas pessoas. São vários os problemas que surgem, que devem ser resolvidos. Várias as dúvidas que nos surgem que devem ser esclarecidas.

Devemos encontrar rapidamente as respostas certas para que as dúvidas sejam esclarecidas, caso contrário cairemos no erro de ficar na ignorância, correndo o risco de cometer um erro que manche a nossa imagem.

Assim, o NCultura tem vindo a publicar uma série de artigos sobre erros comuns de forma a contribuir para que estes sejam menos frequentes.

Língua Portuguesa: obrigatoridade é erro de português?

Será obrigatoriedade ou obrigatoridade?

Exercício

Para colocar em prática os seus conhecimentos sobre a língua portuguesa, propomos algumas questões que testarão as suas capacidades em distinguir qual das palavras estará correta. Será que é obrigatoridade ou será obrigatoriedade?

01 O decreto determina a obrigatoridade do teletrabalho, sempre que as funções em causa o permitam.

02 O decreto determina a obrigatoriedade do teletrabalho, sempre que as funções em causa o permitam.

03 Governo vai adiar para junho a obrigatoriedade de receitas médicas eletrónicas.

04 Governo vai adiar para junho a obrigatoridade de receitas médicas eletrónicas.

05 Apesar da obrigatoriedade do recolhimento domiciliário, são permitidas deslocações para comprar bens e serviços essenciais.

06 Apesar da obrigatoridade do recolhimento domiciliário, são permitidas deslocações para comprar bens e serviços essenciais.

07 Há pessoas que “alugam” animais para os levar a passear à rua, conseguindo assim um pretexto para furar a obrigatoridade de ficar em casa.

08 Há pessoas que “alugam” animais para os levar a passear à rua, conseguindo assim um pretexto para furar a obrigatoriedade de ficar em casa.

09 De acordo com os napolitanos, Milik é cedido ao OM, até junho de 2022, mas com obrigatoridade de compra.

10 De acordo com os napolitanos, Milik é cedido ao OM, até junho de 2022, mas com obrigatoriedade de compra.

Questão: Será que a forma correta é obrigatoriedade ou será que é obrigatoridade? Ou será que ambas as formas são toleradas na língua portuguesa?

O significado do conceito

O conceito surge da junção de “obrigatório”+”i”+”-dade”. A obrigatoriedade é um nome feminino, sendo qualidade de obrigatório.

Resposta:

Assim, a forma correta é obrigatoriedade.  A palavra “obrigatoriedade” é formada pelo adjetivo “obrigatório” mais o sufixo “-dade”. Contudo, neste caso, o “o” do adjetivo obrigatório é substituído pela vogal de ligação “e”, dando origem à palavra obrigatoriedade.

A forma obrigatoridade não existe na língua portuguesa. É um erro comum, que deve ser evitado.

obrigatoridade
Língua Portuguesa: obrigatoridade é erro de português?

Correção

01 O decreto determina a obrigatoridade do teletrabalho, sempre que as funções em causa o permitam. X

02 O decreto determina a obrigatoriedade do teletrabalho, sempre que as funções em causa o permitam. ✓

03 Governo vai adiar para junho a obrigatoriedade de receitas médicas eletrónicas. ✓

04 Governo vai adiar para junho a obrigatoridade de receitas médicas eletrónicas. X

05 Apesar da obrigatoriedade do recolhimento domiciliário, são permitidas deslocações para comprar bens e serviços essenciais. ✓

06 Apesar da obrigatoridade do recolhimento domiciliário, são permitidas deslocações para comprar bens e serviços essenciais. X

07 Há pessoas que “alugam” animais para os levar a passear à rua, conseguindo assim um pretexto para furar a obrigatoridade de ficar em casa. X

08 Há pessoas que “alugam” animais para os levar a passear à rua, conseguindo assim um pretexto para furar a obrigatoriedade de ficar em casa. ✓

09 De acordo com os napolitanos, Milik é cedido ao OM, até junho de 2022, mas com obrigatoridade de compra. X

10 De acordo com os napolitanos, Milik é cedido ao OM, até junho de 2022, mas com obrigatoriedade de compra. ✓

NCultura

Se gostou deste artigo, reaja a ele e faça um comentário!

Se gostou deste tema pode procurar outros artigos sobre Língua Portuguesa no NCultura. Se tem outros temas que pretende que sejam explorados pelo NCultura, deixe-nos sugestões. Se é apaixonado pela língua portuguesa, saiba que há muitos mais artigos para ler no NCultura.

Apaixone-se pelo NCultura e explore diferentes temáticas: turismo e viagens, saúde, gastronomia, cultura, histórias, entre outras…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.