Início Histórias Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses que fizeram a primeira travessia aérea do Atlântico Sul, unindo Lisboa ao Rio de Janeiro.

_

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses
Gago Coutinho, Santos-Dumont e Sacadura Cabral

Nas águas da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, Gago Coutinho e Sacadura Cabral foram entusiasticamente aclamados como heróis pela população que os aguardava, aclamação que se estendeu a todas as cidades brasileiras.

Estima-se que nos setenta e nove dias da viagem, o tempo de voo despendido, nos 8.383 quilómetros percorridos, foi de apenas 62 horas e 26 minutos.

Gago Coutinho (1869-1959)

Biografia

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses
Gago Coutinho – Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses

Carlos Viegas Gago Coutinho nasceu em Belém, Lisboa, a 17 de Fevereiro de 1869. Era filho de José Viegas Gago Coutinho e de Fortunata Maria Coutinho. Em 1885 concluiu o curso do Liceu e matriculou-se na Escola Politécnica para preparar a sua entrada na Escola Naval, um ano depois.

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses
Gago Coutinho – Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses

Entrou para a Armada como aspirante em 1886. Em 1890 foi promovido a guarda-marinha, em 1891 a segundo-tenente, e em 1895 passou a primeiro-tenente.

Em 1907 foi promovido ao posto de capitão-tenente e em 1915 ao posto de capitão-de-fragata. Em 1920 passou a capitão-de-mar-e-guerra. Em 1922 foi promovido ao posto de vice-almirante, e em 1958 a almirante.

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses
Gago Coutinho – Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses

O que celebrizou Gago Coutinho foi o seu trabalho científico, pioneiro na navegação aérea astronómica e a realização, com Sacadura Cabral, da primeira travessia aérea do Atlântico Sul, entre Lisboa e o Rio de Janeiro. A partir do momento em que voou pela primeira vez com Sacadura Cabral, em 1917, Gago Coutinho tentou resolver os problemas que se colocavam à navegação aérea astronómica.

Colocava-se o problema da dificuldade de definição da linha do horizonte a uma altura normal de voo. A dificuldade em efetuar medições precisas de posição em situação de voo, com um sextante vulgar, colocava problemas de natureza instrumental e metodológica.

Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses
Primeiro sextante com horizonte artificial – Gago Coutinho e Sacadura Cabral, os heróis portugueses

Para resolver o problema de medição da altura de um astro, sem horizonte de mar disponível, Gago Coutinho concebeu o primeiro sextante com horizonte artificial que podia ser usado a bordo das aeronaves.

(cont.)

1
2
3
4

1 COMENTÁRIO

  1. Ás vezes acredito que Portugal foi o dono do mundo e em outras tantas tenho a certeza que o mundo de hoje não seria esse mundo se não houvesse portugueses.
    DOMINARAM OS MARES
    VOARAM TAL QUAL OS PASSÁROS
    E FINALMENTE INVENTARAM O BRASIL
    DO GONÇALVES DIAS
    E LÁ NA SUA SANTA TERRINHA
    DESCOBRIRAM CAMÕES , FERNANDO PESSOA E MANUEL MARIA du BOCAGE.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.