Início Histórias D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

Havia um gesto nojento que era realizado para ferir a dignidade de alguém. O rei quis erradicá-lo! D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

D. Dinis
D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

Havia um gesto nojento que era realizado com alguma frequência para ferir a dignidade de alguém. O rei quis erradicá-lo! D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

Portugal é um belo país. Tem uma riqueza natural única, condições climatéricas invejáveis, um património material digno de ser valorizado por portugueses e estrangeiros. É também uma das nações europeias mais antigas tendo, portanto, muita história.

Ao longo de 900 anos não faltam episódios curiosos. A maior parte desse tempo, houve reis a decidirem os nossos destinos. No período conhecido como das trevas, na Idade Média, não faltaram momentos históricos bastante insólitos.

Neste artigo, daremos atenção a um em particular, tendo como protagonista o rei D. Dinis.

D. Dinis decreta pena de morte para crime de “merda na boca”

D. Dinis

D. Afonso Henriques foi “O Conquistador”, tendo reinado entre 1143 e 1185. Foi o fundador de Portugal. Foi o primeiro rei da nação, dando início à 1ª Dinastia (conhecida como Afonsina ou de Borgonha).

O sexto rei de Portugal, pertencente à mesma dinastia, foi D. Dinis, tendo reinado entre 1279 e 1325. D. Dinis ficou conhecido pelo cognome de “O Lavrador”, tendo um reinado longo e frutuoso. Reinou ao longo de quarenta e seis longos anos!

Filho de D. Afonso III (“O Bolonhês”) e de D. Beatriz de Castela, D. Dinis nasceu no dia 09 de outubro de 1261 (em Lisboa). Casou-se com D. Isabel de Aragão e desta relação nasceu o seu sucessor, D. Afonso IV, “O Bravo”, nascido no dia 08 de fevereiro de 1290 (em Coimbra).

D. Dinis faleceu no dia 07 de janeiro de 1325, em Odivelas.

Leia também:

D. Dinis
D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

Feitos

“O Lavrador” deu grande impulso à agricultura durante o seu reinado.

Ficou conhecido como Rei-Poeta. A Magna Charta Privilegiorum, primeiro estatuto da Universidade, é o grande destaque da sua obra literária, existindo ainda a tradução de muitas obras.

D. Dinis implementou várias reformas pelo território nacional.

O Rei salvou a Ordem dos Templários em Portugal, batizando-os de Ordem de Cristo.

D. Dinis travou uma guerra com Castela, mas resolveu o confronto de forma diplomática, ao obter as vilas de Moura a Serpa, territórios que estão para lá do Guadiana, e fez a reforma das fronteiras de Ribacoa.

D. Dinis
D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

Contexto

D. Afonso Henriques, o fundador de Portugal, inaugurou o seu reinado no ano de 1143. A nossa nação é uma das mais antigas do mundo. O tratado de Zamora, realizado entre Afonso VII de Castela e D. Afonso Henriques e assinado em 1143, veio instaurar a independência do Condado Portucalense face ao reino de Leão. Desde esse momento histórico, passaram 900 anos.

Uma história longa, repleta de episódios rocambolescos. Só a Inglaterra (1066), que em determinados momentos demonstrou ser um importante aliado, tem maior longevidade que Portugal, na Europa. Se analisarmos no mundo inteiro, claro que os impérios orientais têm outra dimensão, parecendo ser imunes ao passar do tempo.

Ora, uma história tão vasta como a nossa está repleta de episódios curiosos, nomeadamente na Idade Média, período das trevas…

D. Dinis
D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

Crime de excremento na boca é punível com pena de morte

Uma das histórias mais estranhas das leis do nosso país está associada a uma lei decretada pelo 6º rei português. Sendo um rei conhecido e reconhecido pela sua vasta sabedoria e pelo seu poder diplomático, D. Dinis está ligado a uma lei insólita.

O Rei D. Dinis decretou um castigo temível para algo horrível.… Seja para quem fizesse o ato de colocar excremento na boca, seja para quem enviasse um mandante realizar o ato deplorável, a punição era de pena de morte!

Idade Média

É importante contextualizar: D. Dinis reinou em plena Idade Média, um tempo bem distinto do nosso. Nessa época, havia o “costume” de se colocarem excrementos na boca (ou solicitar a alguém que fizesse esse serviço) com o propósito de ofender de forma bastante grave outra pessoa. Uma agressão conhecida vulgarmente como “merda na boca”.

O rei D. Dinis pretendia erradicar esse tipo de comportamento, por isso decidiu agir nesse sentido, fazendo uma lei que assumisse uma postura intolerante com o vil gesto.

D. Dinis
D. Dinis decretou pena de morte para crime de “merda na boca”

O crime

Ao punir o crime com pena de morte, um castigo feito a homens ou a mulheres, D. Dinis deu um importante passo para erradicar esse comportamento. Diga-se que o termo “merda” não tinha na época a conotação ofensiva que tem atualmente. A palavra aparecia em textos legais nos séculos XI e XII.

Ele surgia mesmo na lei de D. Dinis sobre o dito crime: “Que pena deve ter aquele que meter merda na boca: Dom Dinis (…) estabelecemos e pomos por lei que todo o homem ou mulher que a outrem meter ou mandar merda em boca que morra porém.”

NCultura

Se gostou deste artigo reaja a ele e faça um comentário!

Se gostou deste tema pode procurar outros artigos sobre a história no NCultura. Se tem outros temas que pretende que sejam explorados pelo NCultura, deixe-nos sugestões. Se é apaixonado pelo mundo dos reis e rainhas de Portugal, saiba que há muitos mais artigos para ler no NCultura.

Apaixone-se pelo NCultura e explore diferentes temáticas: turismo e viagens, saúde, gastronomia, cultura, histórias, entre outras…

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.