Início Cultura Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Calão e expressões idiomáticas realmente maravilhosas. Conheça ou relembre 8 expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa.

Calão e expressões idiomáticas
Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Calão e expressões idiomáticas realmente maravilhosas. Conheça ou relembre 8 expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa.

A vasta riqueza da língua portuguesa pode ser explorada de diferentes formas, mas seja qual for o percurso que se escolha fazer nessa exploração, esta nossa língua acaba sempre por nos surpreender, seduzir e encantar.

Além dos inúmeros livros que nos transportam para diversos universos, há enciclopédias, dicionários e gramáticas que nos apresentam a língua de uma forma mais sintética e objetiva.

Mas o património é tão rico e extenso que há sempre muito para desvendar. Jogos de palavras, conhecimento de sinónimos e antónimos, provérbios, anagramas, oxímoros, paradoxos são apenas algumas das várias preciosidades da nossa língua.

Neste artigo, iremos centrar-nos em palavras de calão e expressões idiomáticas curiosas que começam pela letra A.

Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Abono de família

Expressão que identifica o órgão sexual masculino.

Exemplo: Aquele rapaz foi impiedoso; acertou-lhe mesmo em cheio no abono de família.

Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Abraçar o jacaré

Expressão usada para descrever alguém que se encontra num contexto delicado, numa situação sem saída, desconfortável, incómoda e/ou desagradável, de difícil resolução.

Exemplo: O homem abraçou o jacaré quando viu que a polícia estava próxima de si. Ele tinha droga em sua posse, por isso rezou a todos os santos.

Calão e expressões idiomáticas
Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Adoçar a pílula

Esta frase pitoresca tem o mesmo significado que “dourar a pílula” e refere-se a um contexto em que se tem que expressar algo difícil de aceitar ou algo desagradável, de uma forma delicada ou conciliadora. Isto, evidenciando um otimismo provisório ou minimizando aspetos negativos inerentes ao facto comunicado ou à informação partilhada.

Exemplo: Acredita que não estou a adoçar a pílula. A tua mulher traiu-te, mas ela ainda te ama.

Calão e expressões idiomáticas
Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Apanhado com a boca na botija

Apanhar alguém com a boca na botija é testemunhar in loco alguém a realizar um ato duvidoso, em “flagrante delito”, na cena do crime ou perante uma ação comprometedora.

Exemplo: Um infiltrado na justiça foi apanhado com a boca na botija. Para seu azar, foi filmado a passar informação confidencial.

Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Apanhado com as calças na mão

A imagem criada pela expressão pode remeter, por exemplo, para a imagem de um homem que está envolvido com uma mulher casada e, quando está “a meio do ato” é surpreendido. Mas a expressão em si é mais abrangente… Alguém que é surpreendido com algo, é apanhado desprevenido, sendo colocado numa situação melindrosa, foi apanhado com as calças na mão.

Exemplo: O segurança foi apanhado com as calças na mão, quando constatou que o que estava a fazer estava a ser filmado.

Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Armado ao pingarelho

Expressão usada para descrever alguém que pensa que é muito bom, vaidoso e egocêntrico. Significa também usar de artifícios para obter um favor alheio. Procurar sobressair, fazendo-se passar por algo que, na verdade, não é.

Exemplo: Há pessoas que gostam de se armar ao pingarelho, mas quando percebem a realidade, têm de trabalhar mais do que os outros para provar o seu valor.

Calão e expressões idiomáticas
Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Arranjar lenha para se queimar

Realizar uma ação que se torna, na verdade, um prejuízo para as suas pretensões.

Exemplo: Optar por tomar esteroides sem acompanhamento, pode ser uma forma de arranjar lenha para se queimar…

Calão e expressões idiomáticas
Calão e expressões idiomáticas irresistíveis da língua portuguesa

Arrotar postas de pescada

Ser um gabarola. Ter a mania que é bom e esconder a realidade. Considerar-se muito esperto, mas na verdade não conseguir evitar demonstrar quem se é realmente.

Exemplo: Existem jogadores que gostam de arrotar postas de pescada, mas depois vão para o campo e dão toda a razão ao treinador.


OUTROS ARTIGOS QUE LHE PODEM INTERESSAR

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.