Início Cultura «Apropinquar» e mais 9 palavras incríveis da língua portuguesa

«Apropinquar» e mais 9 palavras incríveis da língua portuguesa

São apenas 10, mas há muitas mais para aprender. Existem palavras à espera de serem descobertas!... «Apropinquar» e mais 9 palavras incríveis.

Apropinquar
«Apropinquar» e mais 9 palavras incríveis da língua portuguesa

São apenas 10, mas há muitas mais para aprender. Existem palavras à espera de serem descobertas!… «Apropinquar» e mais 9 palavras incríveis.

O número de 306.949 palavras pode ser assustador, mas representa o número de palavras portuguesas que existe. A 10ª edição do Dicionário de Moraes (1948) é a fonte que usamos para perceber a diversidade de palavras que temos à nossa disposição. É o maior dicionário de português, mas não tem todas as palavras que existem. Há palavras presentes noutros dicionários que não aparecem neste. Há ainda palavras novas, que surgem fruto de determinado contexto, e que só mais tarde integram os dicionários.

Mas sabia que no vocabulário ativo, só recorremos a 1500 palavras (em média, em pessoas com um nível médio de instrução)? É o que defendem alguns especialistas. Porém, com trabalho, é possível melhorar este registo. Basta aprender uma palavra por dia!

Neste artigo, estão 10 palavras escolhidas criteriosamente e os seus respetivos significados. Contudo, para elas fazerem parte do seu vocabulário ativo, não basta ler o significado dos conceitos. É necessário aplicar de modo regular as palavras aprendidas.


Leia também: 20 das palavras mais feias da língua portuguesa


«Apropinquar» e mais 9 palavras incríveis da Língua Portuguesa

Apropinquar

Do latim appropinquāre, com o mesmo significado. Apropinquar é verbo transitivo, que significa aproximar. Ação de aproximar, chegar ou abeirar.

Impertérrito

Termo que vem do latim imperterritu-, com o mesmo significado. É adjetivo que significa que não se assusta ou aterra com coisa nenhuma; intrépido; impávido.

Haplologia

Termo que vem do grego haploũs, «simples» +lógos, «palavra» +-ia. Haplologia é nome feminino que, na linguística, significa fenómeno fonético que consiste na supressão de uma sílaba quando, na mesma palavra, aparecem seguidas duas sílabas iniciadas pela mesma consoante; síncope silábica.

Tirano

Termo que vem do grego týrannos, «senhor absoluto», pelo latim tyrannu-,  com o mesmo significado. Tirano é nome masculino próprio da História que se refere ao antigo chefe político, na Grécia. É aquele que governa com tirania; déspota. Tirano é também o que usurpa o poder num Estado.

Tirano é ainda pessoa desumana, cruel e inflexível, que abusa da sua autoridade. No sentido figurado, tirano é coisa que martiriza, tortura ou oprime. Tirano é também adjetivo que significa despótico, cruel, opressor.

Arrebatar

De arrebate+-ar. É verbo transitivo que significa tirar ou roubar com violência. Arrebatar é arrancar. Significa levar pelos ares.

No sentido figurado, arrebatar pode significar entusiasmar. Pode significar também enlevar, extasiar, encantar, em sentido figurado.

Arrebatar é verbo pronominal que significa enlevar-se, encantar-se. Também pode significar encolerizar-se.

Aprazível

Termo que vem de “a-”+”prazível”. Aprazível é adjetivo de 2 géneros. Aprazível é algo que apraz; agradável; ameno. É grato. Aprazível pode ainda significar harmonioso.

Chamborgas

Chamborgas é nome masculino de 2 números que, no sentido popular, significa fanfarrão. É formação expressiva (em linguística, designa-se por formação expressiva a construção de palavras através dos sons da sua pronúncia).

Magnificente

Do latim magnificente-, com o mesmo significado, de magnificentia, «magnificência». Magnificente é adjetivo de 2 géneros que significa que é imponente; grandioso. Magnificente significa também que impressiona ou causa admiração; sumptuoso. Magnificente significa ainda que revela generosidade ou tolerância; generoso; tolerante; liberal.

Supressão

Termo que vem do latim suppressiōne-, com o mesmo significado. Supressão é nome feminino que significa ato ou efeito de suprimir. É eliminação, extinção, omissão.


Leia também: 5 asneiras da língua portuguesa


Termo que vem do latim nodu-, com o mesmo significado. Nó é nome masculino com vários significados. É laço apertado feito com fita, linha ou corda.

Nó é, também, ornato com a forma de laço apertado. É ainda rosca do corpo da serpente.

Nó significa ponto onde convergem vias de comunicação. Significa também ponto essencial. Significa ainda laço; vínculo moral.

Nó também pode ter como significado estorvo; embaraço, ou grande dificuldade. Também pode significar, em sentido coloquial, casamento; enlace.

Outro significado de nó é espessamento de um órgão filiforme.

Na anatomia, há o nó que é referente à articulação das falanges dos dedos.

Na medicina, nó é também a concreção nos dedos gotosos.

Na botânica, há o nó que é zona circular e engrossada de uma haste, de onde sai um ou mais ramos. Ainda na botânica, nó é lugar do caule ou dos ramos onde se inserem as folhas.

Na náutica, nó é unidade de velocidade constante correspondente a 1 milha marítima por hora.

No sentido popular, nó é a vértebra caudal dos animais.

Nó é, ainda, área da madeira que é mais dura.

Na física, nó é o ponto de amplitude nula num sistema de vibrações estacionárias; nodo.

Há diferentes expressões com uso da palavra nó: nó cego (que é nó difícil de desatar); nó de ligação (conjunto de estradas, na vizinhança de um cruzamento a níveis diferentes, que assegura a ligação das vias que aí se cruzam); nó górdio (dificuldade séria); nó na garganta (sensação de pressão na garganta, por efeito de qualquer comoção).

Há ainda o popular nó na tripa (obstrução intestinal, com cólica, provocada por torção num ponto do intestino, vólvulo).

Cortar o nó górdio (vencer uma dificuldade); coloquial dar o nó (casar); estar ao nó (estar mesmo como deve ser); não dar ponto sem nó (agir apenas com intuitos interesseiros).

Na anatomia, há o nó vital (que é o ponto situado no vértice do quarto ventrículo – bolbo raquidiano -, no qual reside o comando dos movimentos respiratórios). Há, ainda, na anatomia, nós dos dedos, que são as articulações das falanges dos dedos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.