Início Viagem São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

Conheça aqueles que são considerados os prédios mais estranhos do mundo. Uma coleção maravilhosa do que há de mais incomum nas obras de todo o planeta.

_

8. Museu de Arte Contemporânea (Niterói, Brasil)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Museu de Arte Contemporânea – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

O Museu de Arte Contemporânea de Niterói, no estado do Rio de Janeiro, foi projetado por Oscar Niemeyer. Destina-se principalmente a obras pertencentes à arte contemporânea, todas datadas no decorrer do século XX.

9. Biblioteca municipal do Kansas (Missouri, EUA)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Biblioteca municipal do Kansas – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

A “Kansas City Public Library” é uma biblioteca pública de Kansas City, Missouri. Fundada em 1873, é a terceira maior e a mais antiga biblioteca pública na área metropolitana do Kansas.

10. Casa na floresta (País de Gales, Reino Unido)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Casa na floresta – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

A casa ecologicamente correta que se assemelha ao tipo de construção dos “hobbits”, do filme “O Senhor dos Anéis”, foi construída por Charlie Haia e Megan Williams, que a idealizaram rapidamente depois de viver quatro anos num trailer, porque descobriram que Megan estava grávida.

Os proprietários, no entanto, têm que lutar para que ela não seja demolida, já que o governo alega que a construção foi feita sem permissão e que é “prejudicial para o caráter rural da localidade”.

11. Museu Guggenheim (Bilbao, Espanha)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Museu Guggenheim – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

Museu Guggenheim Bilbao, situado na cidade basca de Bilbao, é um dos cinco museus pertencentes à Fundação Solomon R. Guggenheim no mundo. Projetado pelo arquiteto canadense naturalizado norte-americano, Frank Gehry, é um dos locais mais visitados da Espanha.

12. Torre Rotativa (Dubai, Emirados Árabes Unidos)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Torre Rotativa – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

A Torre Rotativa, desenhada pela arquiteto italiano David Fisher, é inacreditável. Alguma vez viu um edifício em movimento que realmente muda de forma?

Ele nunca vai parecer exatamente o mesmo duas vezes. Você terá a opção de acordar com o nascer do sol no seu quarto e desfrutar do pôr do sol sobre o oceano ao jantar. Além de ser um milagre de engenharia, terá turbinas eólicas ajustadas entre cada andar giratório.

Assim, um edifício de 80 andares terá até 79 turbinas eólicas, tornando-se numa verdadeira central de energia amiga do meio ambiente.

13. Habitat 67 (Montreal, Canadá)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Habitat 67 – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

No ano de 1967 aconteceu, na cidade de Montreal, no Canadá, a Expo 67 – Exposição Internacional Mundial – que tinha como tema o Homem e o seu Mundo.

Um dos focos da exposição foi precisamente a questão da habitação, ótima oportunidade para o arquiteto Moshe Safdie concretizar o projeto que vinha a desenvolver desde as suas teses na Universidade McGuill: o Habitat 67.

14. Edifício Cesto (Ohio, EUA)

Os prédios mais estranhos do mundo (2 são portugueses)
Edifício Cesto – São portugueses dois dos 33 prédios mais estranhos do mundo

A sede da empresa “Longaberger Basket” é provavelmente o edifício de escritórios mais bizarro alguma vez construído. O “Basket Building” tem 180.000 metros quadrados, custou 30 milhões de dólares e demorou dois anos para ser concluído.

(cont.)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.