Início Saúde Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Há um estudo que revela indícios promissores que vão nesse sentido. Quer saber mais? Descubra como o vinho tinto pode combater o envelhecimento neuronal.

envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Descubra se o vinho tinto pode combater o envelhecimento neuronal. O consumo de vinho é um hábito comum para boa parte da população portuguesa. São várias as famílias que colocam vinho a acompanhar as refeições. Uns optam por vinho tinto, outros por branco. Embora haja quem não beba vinho, a verdade é que este está completamente integrado no nosso quotidiano. Tem sido importante para a afirmação do país lá fora. São vários os méritos conseguidos, várias as medalhas conquistas e inúmeros os elogios recebidos. Um país tão pequeno com vinho de tanta qualidade é raro.

Contudo, em Portugal, não há apenas bons produtores. Há também muitos e bons apreciadores. A verdade é que o vinho tinto, além de ser uma bebida bastante agradável, tem revelado ser bastante benéfica para a saúde. São vários os estudos que demonstram diversos benefícios para o nosso corpo.


Leia também: O Vinho tinto provoca-lhe dores de cabeça? Está aqui a solução


envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

No Instituto de Investigação Virginia Tech Carilion, EUA, foi descoberto por uma equipa de investigadores que o vinho tinto contém um composto que proporciona o mesmo benefício neuroprotetor (segundo os investigadores, os mesmos benefícios neuroprotetores são igualmente oferecidos pelo metformina, um fármaco frequentemente prescrito como tratamento da diabetes de tipo 2) que é oferecido pela prática de exercício físico e pelo seguimento de uma dieta de poucas calorias. Esse componente chama-se resveratrol e pode ser encontrado no vinho tinto, mas também nas uvas e noutros frutos.

envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

O estudo

Num estudo conduzido por esta equipa de investigadores foi demonstrado que este composto chamado resveratrol permite preservar as fibras musculares à medida que o envelhecimento se vai acentuando e que, além disso, contribui para proteger as ligações entre os neurónios (são denominadas sinapses), nomeadamente contra os efeitos negativos decorrentes do envelhecimento.

envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Análise

Gregorio Valdez, que é um dos professores assistentes que faz parte dos quadros profissionais daquela instituição, referiu “Todos nós ficamos mais lentos à medida que vamos envelhecendo”.

Dando o devido seguimento às consequências do envelhecimento, Gregorio prosseguiu: “A marcha, problemas de equilíbrio e a coordenação motora limitada contribuem para problemas de saúde, acidentes, falta de mobilidade e uma menor qualidade de vida (…). Acredito que estamos perto de desvendar os mecanismos que fazem diminuir a degeneração dos circuitos neuronais causados pela idade”.

envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Experiência

Os dados conseguidos só foram possíveis depois da equipa de investigadores recorrer a ratinhos idosos (com dois anos de idade). Ao longo de um ano, esta equipa de investigadores tentou perceber os efeitos de resveratrol, analisando as sinapses essenciais para o movimento voluntário, denominadas junções neuromusculares.

Estas sinapses veiculam os comandos motores dos neurónios. O exercício físico e uma dieta saudável geram diversos benefícios e o que ficou demonstrado por esta equipa de investigadores é que o resveratrol exerce o mesmo efeito benéfico sobre as sinapses de junção neuromuscular.

envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Descoberta

Outra descoberta realizada por esta equipa de investigadores foi de que a metformina (que como referimos é um fármaco usado no tratamento da diabetes de tipo 2) contribui para desacelerar o índice de envelhecimento da fibra muscular.


Leia também: Descubra o que acontece se beber vinho tinto todas as noites


Este fármaco, metformina, não demonstrou ter o mesmo efeito significativo sobre o envelhecimento das junções neuromusculares. No entanto, poderá, de acordo com Gregorio Valdez, proteger as sinapses com dosagens diferentes.

envelhecimento neuronal
Vinho tinto pode combater envelhecimento neuronal?

Moderação

Seja responsável, beba com moderação. De forma a ter um envelhecimento com qualidade, pode ajudar fazer um consumo moderado de vinho. Contudo, beber mais do que um copo por dia é sinónimo de perda dos benefícios gerados. Aliás, acontece mesmo o oposto, surgindo malefícios.

Por isso, o investigador não deixou de ressalvar que, apesar do resveratrol gerar benefícios, devemos bebê-lo moderadamente, até porque a quantidade de resveratrol presente na bebida é até reduzida, quando comparada com outros produtos, como as cascas e as sementes das uvas ou os amendoins, entre outras opções.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.