Início Histórias Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

Sempre com um toque de elegância, é a bebida embaixadora de Portugal e tem séculos de história. Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer.

1230
Vinho do Porto: 12 curiosidades interessantes
Vinho do Porto: 12 curiosidades interessantes

Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

Sempre com um toque de elegância, é a bebida embaixadora de Portugal e tem séculos de história. Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer.

O Vinho do Porto divide opiniões: por ser mais licoroso e doce, há o grupo dos apaixonados e também o grupo daqueles que não apreciam tanto. O que muita gente não sabe é que este vinho é mais versátil do que se imagina e engana-se quem pensa que ele parou no tempo.

As empresas do setor, além de produzirem uma gama de tintos de alta qualidade, também podem oferecer opções de Vinho do Porto branco e rosé, com características mais refrescantes e jovens, ideais para dias mais quentes e como protagonista de cocktails.

Curiosidades sobre o Vinho do Porto

Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer
Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

A colheita das uvas (chamadas vindimas) é sempre feita à mão. E o pisar das uvas de alguns dos melhores vinhos também é feita pelo homem, da forma mais rústica, apesar de existirem máquinas que façam esse processo.

Aliás, as primeiras 4 horas da pisa das uvas são muito importantes e precisam ser sincronizadas entre os participantes.

Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer
Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

Ao todo, são aproximadamente 33 mil vinicultores no Douro. Porém, a maior parte dessas pessoas só tem 1 hectare de vinha.

Quando não produz o seu próprio vinho, reunindo familiares e amigos na quinta para colher e pisar as uvas, o proprietário vende-as para cooperativas e outras empresas produtoras de vinho.

Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer
Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

Nem todas as pessoas podem comercializar o Vinho do Porto na região do Douro Vinhateiro. Há instrumentos especiais para estudar e classificar as plantações de videiras. É preciso fazer uma avaliação da vinha a partir de sua inclinação e exposição solar.

Para isso, é usado uma escala de 0 a 1200 pontos para, então, classificar as videiras entre as categorias de A a F. O proprietário que tem a letra A é beneficiado por poder vender anualmente mais Vinho do Porto do que aquele que tem a letra F, por exemplo.

Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer
Vinho do Porto: 12 curiosidades que vai gostar de conhecer

O xisto, que é a pedra predominante na região do Douro Vinhateiro, tem origem vulcânica e possui várias camadas. É ela que está presente nos socalcos (aqueles “degraus” que vemos frequentemente na paisagem do Douro) onde são plantadas as vinhas.

Durante os meses mais quentes do ano, o xisto armazena o calor e, ao fim do dia, quando já está mais fresco, distribui esse calor pelo solo, sendo de grande importância para o ciclo das videiras. O mesmo acontece com as chuvas. 

No inverno, a pedra armazena a água. Por isso, as plantações de vinhas nessa região não precisam de ser irrigadas. Como chove muito durante o inverno, a água fica retida no solo, criando lençóis suficientes para abastecer as vinhas.

(cont.)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.