Início Notícias Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Saiba o que mais irá pesar no seu orçamento no próximo ano: 10 coisas mais caras e algumas mais baratas em 2018.

1063
Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)
Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Banco de Portugal, Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional e Ministério das Finanças esperam uma inflação perto de 1,5% em 2018.

Saiba o que mais irá pesar no seu orçamento no próximo ano.

Banca sobe comissões até 20%

O Santander Totta dá o tiro de partida do aumento dos preços da banca. Em algumas comissões, o aumento supera 20%, segundo o Jornal de Negócios. A alteração do preçário vigora a partir do dia 12 de janeiro de 2018.

Azeite quase 30% mais caro

Foto: Nuno Veiga/Lusa

O Instituto Nacional de Estatística calcula que o azeite tenha, em 2018, um “aumento dos preços base” de 29,6%, segundo o “Público”. É o resultado de “um decréscimo de produção em volume” de 9,3%.

Pão sobe 2,5% com o aumento do salário mínimo

Foto: Mário Cruz/Lusa

Se as panificadoras traduzirem o aumento do salário mínimo nacional totalmente nos clientes, o pão aumentará 2,5%. “Um aumento do SMN em 5% reflete-se num acréscimo dos custos de produção da ordem dos 2,5%”, lê-se no comunicado da Associação dos Industriais de Panificação, Pastelaria e Similares de Lisboa.

Preços das casas trepam 5%

Foto: Getty Images

Os preços das habitações em Portugal subirão 5%, em média, nos próximos 12 meses, revela um inquérito a proprietários, promotores e agentes imobiliários, realizado em outubro pela Confidencial Imobiliário e pelo Royal Institution of Chartered Surveyors, citado pelo Expresso.

Transportes públicos não aumentam mais de 2,5%

Foto: Mário Cruz/Epa

Em 2018, a atualização das tarifas de títulos de transporte público não pode ser superior a 2,5%, segundo o despacho dos gabinetes dos secretários de Estado do Tesouro, das Infraestruturas e Adjunto e do Ambiente. No entanto, os passes Lisboa Viva, Viva Viagem/7 Colinas e Andante não sofrem aumentos.

(cont.)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.