Início Opinião Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira

Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira

Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira. Um texto muito divertido e bem humorado que vale bem a pena ler e partilhar com os seus amigos.

2495
Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira
Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira

Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira

Portugal e Brasil, 70 diferenças por uma brasileira. Um texto muito divertido e bem humorado que vale bem a pena ler e partilhar com os seus amigos.

Olá, vou enumerar 70 diferenças entre Portugal e Brasil. Tenho 24 anos, sou brasiliense, publicitária, a realizar um intercâmbio profissional em Lisboa, Portugal, e quero compartilhar um pouco sobre as aventuras e dificuldades dessa experiência maluca.

Aqui vão, então, 70 diferenças entre Portugal e Brasil:

1. Aqui em Portugal as pessoas fumam muito. Desde jovens a velhinhos. E é em qualquer lugar, na calçada, na parada, na esquina, nos restaurantes abertos, em todo lugar. E há muitos tocos de cigarros no chão.

2. Muitas pessoas estacionam seus carros na calçada atrapalhando o pedestre. Por isso há uns tocos de concreto na calçada para evitar que as pessoas estacionem lá.

3. Aqui não se diz “tchau”. Se diz “até já” ou “té amanhã”.  Mesmo quando você não verá essa pessoa tão cedo. E no telefone se diz “beijinhos”.

4. O ônibus para exatamente aonde você está na parada, mesmo se ele for atrapalhar o trânsito.

5. Aqui há muitos carros antigos. As pessoas compram carros quase que pra vida inteira. Se está em bom estado por que trocar de 3 ou 5 anos? (Também faço essa pergunta).

6. Aqui os portugueses reclamam do trânsito, mas acredite, o trânsito é tão de boa. São só alguns poucos minutos.

7. Aqui quando dizem que um local é muito longe, na verdade é ali do lado. A noção de distância dos portugueses é muito diferente da gente. Nós achamos tranquilo ir de Brasília a Goiânia (209km) em 2h30, enquanto que para eles passar mais de 1h dentro de um carro/ônibus é uma viagem.

8. Aqui eles não “entendem”, “percebem”. Você não pergunta: “Entendeu?”. Pergunta: “Percebes?”.

9. Por mais que o idioma seja o mesmo no início eu tinha muita dificuldade pra entender o que diziam. Eles falam muito rápido, engolem algumas sílabas e muitas palavras e pronúncias são diferentes. O que dá um nó na sua cabeça e te faz entender absolutamente nada. As vezes você se pergunta se falamos realmente o mesmo idioma. Já para os portugueses, o português do Brasil é tranquilo.

10. Nós (brasileiros) não falamos português, falamos brasileiro para eles.

11. Eles falam arranhando o “r” e com muito som de “shhhh” no “s”. Como Pichina (Piscina), seishhh (seis), etc.

12. Aqui não se usa muito o gerúndio. Se você “está falando com alguém”, você “está a falar com alguém”.

13. Aqui usam-se o “tu” e se conjuga o verbo certinho. O você é pouco usado e dependendo da ocasião é rude.

14. Aqui todos são senhores e senhoras, até mesmo os jovens. Enquanto no Brasil chamar até mesmo alguns velhinhos de senhor, eles se ofendem.

15. Não chame as pessoas de moço ou moça. Não sei bem o porquê, mas eles não gostam.

16. Os acentos são o contrário e as vezes se pronuncia da mesma forma (what?).

17. Eles adoram o verão. Sol, praia, férias é tudo de bom pra eles.

18. Aqui o que é “legal” ou “massa” é “giro” ou “fixe”. Ou as vezes, “muito legal” é “bué fixe”.

19. Aqui não existe padaria, é pastelaria. E o pastel não tem nada a ver com o que conhecemos no Brasil. 90% deles são doces e são uma delícia. Se vieres cá tens de provar o pastel de Belém.

20. Os portugueses costumam comer muito doce no café da manhã, que por aqui se chama de “pequeno almoço”.

(cont.)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.