Início Cultura Os erros de português dos escritores

Os erros de português dos escritores

Vários especialistas leram 9 livros de autores portugueses. Falámos com os escritores. Lobo Antunes erra e assume. Os erros de português dos escritores.

_

Margarida Rebelo Pinto, a escritora portuguesa que mais livros vende, também não gostou das perguntas sobre os erros detectados no seu romance Os Milagres Acontecem Devagar (2014).
Os erros de português dos escritores
Antes de mais, veja a análise.

Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores
Os erros de português dos escritores

Como justifica dezenas de erros numa escritora que até é formada em Línguas e Literaturas Modernas?
Você conhece alguém formado em Línguas e Literaturas Modernas que escreva textos longos e não faça erros de português? Acho lamentável que vocês olhem para a literatura portuguesa e não percebam que nos últimos dez anos graças a autores como eu e outros vai-se aos tops das livrarias portuguesas e a maior parte dos livros são portugueses.

A imprensa portuguesa dedica centenas de páginas por ano a promover livros portugueses.
Não, é a típica coisa portuguesa de ir à procura do errozinho de português. Não é isso que vai deixar que o leitor goste do livro ou do autor. É típico do português valorizar o negativo. Todos os livros têm gralhas e erros.

Mas não sente que, devido à sua formação, os seus livros deviam estar mais limpos de erros?
Você convive com arquitectos?

Não.
Não tem nenhum amigo arquitecto?

Não.
Pronto. Os arquitectos são formados em arquitectura. E eles em obras também cometem erros. O erro é inerente à criação. As obras criativas estão cheias de erros. Os filmes estão cheios de incongruências. O Ben-Hur tem uma cena com um relógio. Faz parte. Não desvalorizo, mas também não sobrevalorizo. Não é relevante. Nunca li nenhum livro que não tivesse um erro, por isso não me preocupa nada. A perfeição é impossível. Num livro de poesia, em que cada página tem cinco ou dez linhas, é fácil não cometer erros, mas com textos muito extensos é normal. A Agustina [Bessa-Luís], que para mim é a maior escritora portuguesa viva, também tem incongruências nos livros dela.

(cont.)

1 COMENTÁRIO

  1. BOM DIA !!!! Pª QUÊ A LINGUA DE FORA !!!! QT AOS ERROS, UNS EU CONCORDO , OUTROS NÃO !!!!
    CORAÇÃO CHEIO DE PALPITAÇÕES !!!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.