Início Cultura Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Não entender patavina. Andar à toa. Bicho de sete cabeças. Isto é a língua portuguesa. Conheça a origem e significado de 10 Expressões Populares.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Não entender patavina. Andar à toa. Bicho de sete cabeças. Isto é a língua portuguesa. Conheça a origem e significado de 10 Expressões Populares.

Muitas vezes usamos certas expressões, mas não temos ideia nenhuma do seu significado. São ditados ou termos populares que, através dos anos, permaneceram sempre iguais, significando exemplos morais, filosóficos e religiosos.

Conheça a origem e significado de algumas dessas expressões curiosas:

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Não entender patavina

Significado: Não saber nada sobre determinado assunto. Nada mesmo.

Origem: Tito Lívio, natural de Patávio (hoje Pádua, na Itália), usava um latim horroroso, originário de sua região. Nem todos o entendiam. Daí surgiu o Patavinismo, que originalmente significava não entender Tito Lívio, não entender patavina.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Andar à toa

Significado: Hoje, o ditado significa andar sem destino, despreocupado, passando o tempo.

Origem: Toa é a corda com que uma embarcação reboca a outra. Um navio que está “à toa” é o que não tem leme nem rumo, indo para onde o navio que o reboca determinar. Uma mulher à toa, por exemplo, é aquela que é comandada pelos outros.

Jorge Ferreira de Vasconcelos já escrevia, em 1619: Cuidou de levar à toa sua dama.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Erro crasso

Significado: Falha grosseira de planeamento, com consequências trágicas.

Origem: Marco Licínio Crasso era um aristocrata, general e político romano, que comandou a vitória da batalha da Porta Colina e esmagou a revolta dos escravos liderada por Espártaco.

Em campanha contra os partos, porém, apesar da enorme superioridade numérica de seu exército, sofreu uma derrota estrondosa na batalha de Carras, em 53 a.C., em função de uma série de falhas táticas grosseiras.

Mais de 20 000 soldados perderam a vida e cerca de 10 000 foram feitos prisioneiros; a cabeça e a mão direita de Crasso foram levadas ao rei parto, Orodes II.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Bicho de sete cabeças

Significado: Enorme ameaça ou dificuldade, requerendo grande coragem e/ou astúcia para ser superada.

Origem: Nesta expressão destacam-se duas interpretações. A primeira sustenta que a sua origem está na mitologia grega, mais precisamente na história da Hidra de Lerna, uma monstruosa serpente com sete (ou nove) cabeças que se regeneravam mal eram cortadas, e exalavam um vapor que matava quem estivesse por perto.

A morte da Hidra foi o segundo dos famosos doze trabalhos de Hércules. De acordo com uma segunda teoria, a expressão seria uma referência à primeira das duas bestas do Apocalipse de São João, descrita como um monstro de sete cabeças e dez chifres.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Sem papas na língua

Significado: Ser franco, dizer o que sabe, sem rodeios.

Origem: A expressão vem da frase castelhana “no tener pepitas em la lengua”. Pepitas, diminutivo de papas, são partículas que surgem na língua de algumas galinhas, é uma espécie de tumor que lhes obstrui o cacarejo. Quando não há pepitas (papas), a língua fica livre.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Maria vai com as outras

Significado: Atualmente aplica-se a expressão a uma pessoa que não tem opinião e que se deixa convencer com a maior facilidade.

Origem: Dona Maria I, mãe de D. João VI (avó de D. Pedro I e bisavó de D. Pedro II), enlouqueceu de um dia para o outro. Declarada incapaz de governar, foi afastada do trono. Passou a viver recolhida e só era vista quando saía para caminhar, escoltada por numerosas damas de companhia.

Quando o povo via a rainha levada pelas damas nesse cortejo, costumava comentar: “Lá vai D. Maria com as outras”.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Salvo pelo gongo

Significado: Atualmente, a expressão significa escapar de se meter numa encrenca por uma fração de segundos.

Origem: O ditado tem origem na Inglaterra. Lá, antigamente, não havia espaço para enterrar todos os mortos. Então, os caixões eram abertos, os ossos tirados e encaminhados para o ossário e o túmulo era utilizado para outro infeliz.

Só que às vezes, ao abrir os caixões, os coveiros percebiam que havia arranhões nas tampas, do lado de dentro, o que indicava que aquele morto, na verdade, tinha sido enterrado vivo (catalepsia – muito comum na época).

Assim surgiu a ideia de ao fechar os caixões, amarrar uma tira no pulso do defunto, tira essa que passava por um buraco no caixão e ficava amarrada num sino. Após o enterro, alguém ficava de plantão ao lado do túmulo durante uns dias.

Se o indivíduo acordasse, o movimento do braço faria o sino tocar. Desse modo, ele seria salvo pelo gongo.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Com o rei na barriga

Significado: Nos nossos dias esta expressão refere-se a uma pessoa que dá muita importância a si mesma.

Origem: A expressão provém do tempo da monarquia em que as rainhas, quando grávidas do soberano, passavam a ser tratadas com deferência especial, pois iriam aumentar a prole real e, por vezes, dar herdeiros ao trono, mesmo quando bastardos.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Queimar as pestanas

Significado: Estudar muito.

Origem: Usa-se ainda esta expressão, apesar de o facto real que a originou já não ser de uso. Foi, inicialmente, uma frase ligada aos estudantes, querendo significar aqueles que estudavam muito.

Antes do aparecimento da eletricidade, recorria-se a uma lamparina ou uma vela para iluminação. A luz era fraca e, por isso, era necessário colocá-las muito perto do texto quando se pretendia ler o que podia dar azo a ”queimar as pestanas”.

Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares
Língua Portuguesa: origem e significado de 10 Expressões Populares

Acordo Leonino

Significado: Um «acordo leonino» é aquele em que um dos contratantes aceita condições desvantajosas em relação a outro contratante que fica em grande vantagem.

Origem: «Acordo leonino» é, pois, uma expressão retórica sugerida nomeadamente pelas fábulas em que o leão se revela como todo-poderoso.
_

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.