Início Viagem NAICA: a Gruta Mágica dos Cristais Gigantes

NAICA: a Gruta Mágica dos Cristais Gigantes

Nesta época em que poucos acontecimentos nos maravilham, a natureza brinda-nos com um lugar para além da imaginação, para além de qualquer sonho...

“Era bonito, como luz refletida por um espelho quebrado”, disse ele. “A visão dos cristais translúcidos, entrelaçados uns sobre os outros, era fantástica! Como se estivessem ali apenas aguardando que lhes examinassem o peso e a substância”. Um mês depois, uma outra equipe de mineiros de Naica, encontrou uma caverna ainda maior, ao lado da primeira.

Não foi fácil conseguir as primeiras fotografias dos cristais gigantes. Era necessário encontrar  um fotógrafo profissional especializado em ambientes extremos, gargantas difíceis, estreitas e molhadas, capaz de enfrentar a temperatura da caverna, com 150 graus Fahrenheit (60°C) e 100 % de humidade.

NAICA: as Grutas Mágicas dos Cristais Gigantes“Como  fotógrafo acostumado a trabalhar em ambientes escuros e perigosos, fui convidado para esta experiência original. Um ser humano só pode permanecer neste ambiente por cerca de seis a dez minutos, antes que ocorra uma perda severa das funções mentais. Eu estava excitado e tive que me concentrar intensamente para fotografar os cristais mantendo-me, no início, a cerca de trinta a quarenta pés afastado deles”. (Javier Trueba)

“Andar em qualquer uma destas cavernas é como andar sobre um geodo (espécie de drusa) gigantesco,” disse Richard D. Fisher, consultor americano contratado pela companhia mineira para transformar as descobertas numa atração turística. Segundo ele, a maioria das pessoas só poderia resistir alguns minutos nas cavernas, devido à suas altas temperaturas.

NAICA: as Grutas Mágicas dos Cristais GigantesNa menor das duas cavernas, do tamanho de um apartamento de 2 quartos, a temperatura é de 100 Fahrenheit  (40°C). Na câmara maior, que Fisher descreveu como tendo o tamanho de uma catedral, é de 150 F (60°C). Ambas ficam situadas, aproximadamente, a 290 metros abaixo da superfície.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.