Início Tradições Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Vinho tinto e branco de qualidade medalhados no mais antigo concurso de vinhos do Mundo. Conheça vinhos portugueses que conquistam o planeta!

Medalhas de ouro para vinho tinto
Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Vinho tinto e branco de qualidade medalhados no mais antigo concurso de vinhos do Mundo. Conheça vinhos portugueses que conquistam o planeta!

É frequente encontrar notícias sobre vinhos portugueses a receber prémios e a conquistarem lugares honrosos em concursos internacionais. A Herdade das Servas é disso exemplo, visto que conseguiu duas medalhas de ouro para dois dos seus vinhos, num concurso internacional de elevada reputação.

Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

A Herdade das Servas conta com um conhecimento adquirido ao longo do tempo. São sucessivas gerações que permitiram encontrar um norte na produção dos vinhos.

Bisavós, avós, pais, filhos foram adquirindo o saber conquistado no trabalho árduo e partilhado com os mais próximos. 350 anos de conhecimentos, que já vão na 13ª geração!…

Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Challenge International du Vin

O Challenge International du Vin é um concurso internacional de reputação absolutamente inatacável, sendo mesmo um dos mais antigos do mundo.

É também um dos maiores concursos da especialidade e esta foi a sua 43ª edição. Organizado em França, país conhecido e reconhecido pelos seus conhecimentos no setor do vinho, este concurso premiou dois vinhos nacionais.

Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Características

O concurso é realizado no formato de provas cegas, o que valoriza ainda mais os vencedores, pois as características do vinho que mais se evidenciam são as que o tornam merecedor ou não de medalhas.

Este é um concurso verdadeiramente aberto a todo o tipo de bebidas (espirituosas, tintos, brancos, espumantes, vinhos rosé,…), independentemente do ano de produção. Sendo um dos maiores concursos franceses e seguramente dos mais famosos de todo o mundo, ele é completamente independente, não estando filiado a qualquer grupo comercial ou a qualquer grupo media.

Vinho tinto e branco
Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Números

Um concurso com mais de 40 anos de experiência, mais de 4000 amostras, testadas por volta de 800 profissionais do vinho, em formato de provas cegas. Este concurso está representado anualmente por cerca de 40 países.

A venda nos olhos permite encontrar um vencedor mais justo, pois os amantes do vinho e os profissionais que o provam escolhem através das sensações que o produto promove em todos os seus sentidos, não sendo influenciados pelo rótulo da garrafa.

Assim, a medalha representa um reconhecimento mundial proveniente dum concurso que tem origem na zona de onde vem o famoso Bordeaux.

Vinho tinto e branco
Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Vinhos nacionais premiados

Os vinhos portugueses que conquistaram a ‘Medalha de Ouro’ foram o Herdade das Servas Touriga Nacional tinto 2015 e, também, o Herdade das Servas Reserva branco 2017. Apesar de serem um tinto e um branco, têm muito em comum.

Para além de serem ambos provenientes da Herdade das Servas – sendo, por isso, oriundos da região do Alentejo -, foram ambos produzidos pelos irmãos Luís e Carlos Serrano Mira e lançados no término de 2018.

Herdade das Servas – Touriga Nacional tinto 2015

Vinho tinto e branco
Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

O Herdade das Servas Touriga Nacional 2015 é um vinho tinto proveniente do Alentejo que possui um teor de álcool de 15%. Tendo como casta uma das variedades mais nobres de Portugal, a Touriga Nacional, este vinho topo de gama é merecedor dos maiores elogios. Beneficiou do clima mediterrâneo e do verão quente e seco.

As suas características encantam os nossos sentidos, por isso não é de estranhar o resultado no concurso, em provas cegas. A sua cor é violeta profundo e sedutor. O seu aroma é complexo e rico, com amora, chocolate, figo, groselha, pimenta e, ainda, notas florais de violeta. O fim de boca é persistente e agradável.

Reúne todo o potencial para envelhecer bem, podendo ser guardado e envelhecido por 2 ou 3 décadas. Um vinho que pode acompanhar uma série de pratos, nomeadamente carnes vermelhas e carnes de caça, mas também queijos e enchidos.

Herdade das Servas – Reserva branco 2017

Vinho tinto e branco
Medalhas de ouro para vinho tinto e branco nacionais

Um vinho proveniente de Estremoz, no Alentejo. Possui um teor alcoólico de 13,5%. O estágio foi de 9 meses, realizado em barricas de carvalho francês com batonnage regular, tendo repousado durante 3 meses em cave, após o engarrafamento. A sua longevidade pode atingir 6 anos ou, mesmo, uma década, se for conservado num local arejado e sombrio, colocando a garrafa deitada.

Este vinho regional Alentejano tem como castas Arinto (50%), Verdelho (25%) e Alvarinho (25%). Um vinho límpido de cor palha. Os seus aromas possuem o enriquecimento de diversas frutas como alperce, lima e pêssego.

É um vinho fresco e estruturado, com notas citrinas. O final é persistente e agradável. Acompanha na perfeição peixes assados no forno, carnes brancas, queijos e enchidos.

Se gostou deste artigo também poderá gostar de:


Vinhos Portugueses: os Melhores Vinhos Alentejanos

Papa Figos é o melhor vinho tinto nacional

Vinhos Portugueses: 7 dos melhores tintos do Douro para beber em 2019

Saúde. Vinho Tinto e outros alimentos que reduzem o colesterol
_

Márcio Magalhães
Um Mestrado em Ensino não fazia prever o percurso consolidado e bem sucedido no marketing digital e na produção de conteúdos, com publicação regular de artigos em diversas plataformas. (exclusivamente responsável pelo conteúdo textual)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.