Início Histórias Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não...

Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História

Vasculhe a biblioteca da sua antiga escola, pergunte aos mais sábios e só muito dificilmente alguém saberá estes pormenores da História de Portugal.

_

Espanha nem sempre foi a nossa única vizinha

Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História
Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História

Entre nós havia um pequeno país, o Couto Misto, que chega mesmo a ser mencionado nos relatórios diplomáticos que antecederam o Tratado de Lisboa de 1864. Era um micro estado que nasceu no século X e que se extinguiu apenas quatro anos depois de o Tratado ter sido assinado.

Este país não tinha mais do que 27 quilómetros quadrados e era completamente independente: não tinha qualquer relação com a Coroa portuguesa nem com a espanhola.

Antes dos lusitanos, estavam cá os estrímnios

Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História
Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História

Os estrímnios – uma palavra que deriva do latim “Oestremni”, ou seja, “povo do extremo ocidente” – foram o primeiro povo nativo em Portugal. Viviam entre a Galiza, no noroeste espanhol, e o Algarve. Só mais tarde vieram os sefes, um povo que idolatrava a deusa-serpente Ofiusa e que eram menos numerosos que os estrímnios.

A seguir chegaram à Hispânia os galaicos e os lusitanos, que encontraram uma terra destruída pela guerra entre os sefes e os estrímnios. Também estes recém-chegados tiveram de lutar com os sefes para se poderem fixar por cá.

O pai de D. Afonso Henriques era um pastor transmontano?

Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História
Lisboa não é a capital de Portugal e 9 factos que não aprendeu nas aulas de História

Pelo menos é o que sussurram os rumores. A versão oficial é que D. Afonso Henriques, o primeiro rei de Portugal, nasceu do amor entre Teresa de Leão e Henrique de Borgonha, conde de Portucale.

No entanto, há outras que dizem que é filho de Egas Moniz ou mesmo de pastor natural de Trás-os-Montes que teria sido incumbido por Egas Moniz de cuidar do pequeno futuro rei. Os rumores até vão mais longe: sugerem que o rei era muito mais alto que qualquer pessoa da sua família…

Autor: Marta Leite Ferreira
_

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.