Início Cultura Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

OK, já sabemos que é do tempo da Maria Cachuca ter para os alfinetes. Isto é a língua portuguesa. Aprenda o significado de 6 Expressões Populares curiosas.

significado de 6 Expressões
Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

OK, já sabemos que é do tempo da Maria Cachuca ter para os alfinetes. Isto é a língua portuguesa. Aprenda o significado de 6 Expressões Populares curiosas.

Muitas vezes usamos certas expressões mas não temos ideia do que elas significam. São ditados ou termos populares que através dos anos permaneceram sempre iguais, significando exemplos morais, filosóficos e religiosos.

Tanto os provérbios como os ditados populares constituem uma parte importante de cada cultura. Historiadores e escritores sempre tentaram descobrir a origem dessa riqueza cultural, mas essa tarefa nunca foi nada fácil.

Veja aqui algumas dessas expressões ou ditados populares:

significado de 6 Expressões
Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

O pior cego é aquele que não quer ver

Significado: Diz-se da pessoa que não quer ver o que está mesmo à sua frente. Nega-se a ver a verdade.

Origem: Em 1647, na universidade local de Nimes, em França, o Dr. Vicent de Paul D’Argent fez o primeiro transplante da córnea num aldeão de nome Angel.

Foi um sucesso para a medicina da época menos para Angel, que assim que passou a ver, ficou horrorizado com o mundo que via. Disse que o mundo que ele imaginava era muito melhor. Pediu ao cirurgião que arrancasse os seus olhos. O caso foi acabar no tribunal de Paris e no Vaticano.

Angel ganhou a causa e entrou para a história como o cego que não quis ver.

Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

Quem não tem cão caça com gato

Significa: Improvisar-se usando daquilo que se dispõe para resolver um problema.

Origem: Na verdade, a expressão com o passar dos anos, adulterou-se. Inicialmente dizia-se “quem não tem cão caça como gato” ou seja, esgueirando-se, astutamente, traiçoeiramente, como os gatos fazem.

Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

OK

Significa: Equivale à expressão em português “Está bem!” e suas derivações.

Origem: A expressão inglesa “OK” (okay) que é mundialmente conhecida com o sentido de “está bem”, teve sua origem na Guerra da Secessão, nos EUA.

Durante a guerra, quando os soldados voltavam para as bases sem nenhuma morte entre as tropas, escreviam numa placa “0 killed” (nenhum morto), expressando assim a sua grande satisfação.

Daí surgiu o termo “OK”.

significado de 6 Expressões
Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

Ter para os alfinetes

Significado: Ter dinheiro para viver.

Origem: Em outros tempos, os alfinetes eram objecto de adorno das mulheres e daí que, então, a frase significasse o dinheiro poupado para a sua compra porque os alfinetes eram um produto caro.

Os anos passaram e eles tornaram-se utensílios, já não apenas de enfeite, mas utilitários e acessíveis. Todavia, a expressão chegou a ser acolhida em textos legais.

Por exemplo, o Código Civil Português, aprovado por Carta de Lei de Julho de 1867, por D. Luís, dito da autoria do Visconde de Seabra, vigente em grande parte até ao Código Civil actual, incluía um artigo, o 1104, que dizia:

«A mulher não pode privar o marido, por convenção antenupcial, da administração dos bens do casal; mas pode reservar para si o direito de receber, a título de alfinetes, uma parte do rendimento dos seus bens, e dispor dela livremente, contanto que não exceda a terça dos ditos rendimentos líquidos.»

significado de 6 Expressões
Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

Do tempo da Maria Cachucha

Significado: Muito antigo.

Origem: A cachucha era uma dança espanhola a três tempos, em que o dançarino, ao som das castanholas, começava a dança num movimento moderado, que ia acelerando, até terminar num vivo volteio.

Esta dança teve uma certa voga em França, quando uma célebre dançarina, Fanny Elssler, a dançou na Ópera de Paris. Em Portugal, a popular cantiga Maria Cachucha (ao som da qual, no séc. XIX, era usual as pessoas do povo dançarem) era uma adaptação da cachucha espanhola, com uma letra bastante gracejadora, zombeteira.

significado de 6 Expressões
Língua Portuguesa: a origem e significado de 6 Expressões Populares

Dose para cavalo

Significado: Quantidade excessiva; demasiado.

Origem: Dose para cavalo, dose para elefante ou dose para leão são algumas das variantes que circulam com o mesmo significado e atendem às preferências individuais dos falantes.

Supõe-se que o cavalo, por ser forte; o elefante, por ser grande, e o leão, por ser valente, necessitam de doses exageradas de remédio para que este possa produzir o efeito desejado.

Com a ampliação do sentido, dose para cavalo e suas variantes é o exagero na ampliação de qualquer coisa desagradável, ou mesmo aquelas que só se tornam desagradáveis com o exagero.

Se gostou deste artigo também poderá gostar de:


Língua Portuguesa: 10 pleonasmos que deve evitar

Língua Portuguesa: 15 das palavras mais belas da nossa língua

Língua Portuguesa: escreve-se Senão ou Se não?

_

5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.