Início Cultura Fuja destes 5 erros de português comuns

Fuja destes 5 erros de português comuns

A língua portuguesa possui diversas regras que permitem que se fale e se escreva de forma correta. Por isso evite estes 5 erros de português comuns.

5 erros de português comuns
Fuja destes 5 erros de português comuns

A língua portuguesa possui diversas regras que permitem que se fale e se escreva de forma correta. A melhor forma de respeitar o incrível património que é a língua portuguesa é fazermos o máximo esforço para evitar erros. Errar é humano, mas aprender também! Alguns dos erros mais comuns estão relacionados com uma aplicação incorreta de um acento. Eis 5 erros de português comuns com origem em acentuação incorreta.


Leia também: 10 erros de português que arruínam a sua credibilidade


Fuja destes 5 erros de português comuns

Lâmpada

Termo do grego lampás, -ádos “archote”, pelo latim lampăda, com o mesmo significado.

É um erro escrevermos lámpada. Lâmpada significa objeto com forma de cilindro alongado ou de bolbo que é geralmente de vidro. Neste objeto, é criada luz artificial por combustão ou eletricamente por incandescência de um filamento, por descarga de gás rarefeito ou por fluorescência.

Lâmpada é um vaso em que arde uma luz alimentada a óleo. Lampião. A expressão “não ter azeite na lâmpada” significa não ter forças.

Àquele

Não raras vezes somos confrontados com esta palavra a ser erradamente acentuada (tal ocorre também com as palavras àquela, àqueles, àquelas). Àquele é uma contração de a (preposição) + aquele (pronome demonstrativo).

É um erro escrevermos áquele.

Paraquedas

Esta é uma das palavras que sofreu alterações com o novo acordo ortográfico. Anteriormente, esta palavra tinha a forma de pára-quedas, passou a escrever-se paraquedas. Contudo, é frequentemente escrita errada, assim: Páraquedas.

É um erro escrevermos páraquedas.

Onomatopaica

De onomatopeia + ica. Termo relativo a onomatopeia. Algo que apresenta os caracteres de onomatopeia. Algo que imita o som daquilo que significa. Onomatopeia é uma unidade lexical criada por imitação de determinados ruídos ou sons.


Leia também: Fazer a barba e Copo de água serão erros de português?


A onomatopeia faz uma correspondência aproximada aos sons naturais (o som de um determinado animal, entre outras possibilidades).

É um erro escrevermos onomatopáica.

“Há” é uma forma do verbo haver, mais precisamente a 3ª pessoa do singular do presente do indicativo de haver (ou da 2ª pessoa do singular do imperativo). Num uso impessoal, haver significa existir, acontecer, passar-se, decorrer, ter decorrido (período de tempo).

Haver é também um verbo transitivo que significa ter, possuir, obter conseguir. Também significa considerar, julgar, sentir, reaver. Além de ser um nome masculino que significa letra do alfabeto arábico.

É um erro escrever “hà”. Algumas pessoas, por vezes, também trocam “há” por “à” (que é uma contração que junta a preposição “a” + “a” artigo definido ou pronome demonstrativo). Assim, há não deve ser confundido com “à” que implica um sentido ou ação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.