Início Saúde Chá de cavalinha: tudo o que precisa saber

Chá de cavalinha: tudo o que precisa saber

Para que serve o chá de cavalinha? É bom para a minha saúde? Como fazer chá de cavalinha? Aprenda sobre tudo isto e os seus riscos associados.

Chá de Cavalinha
Chá de Cavalinha: para que serve, benefícios e riscos associados

A Cavalinha é uma planta medicinal muito utilizada como remédio da avó. E um chá de cavalinha funciona como um remédio caseiro de excelência.

Um chá de cavalinha funciona como um remédio caseiro de excelência. A Cavalinha é uma planta medicinal muito utilizada como remédio caseiro para parar hemorragias e menstruações abundantes, por exemplo. Além disso, devido à sua ação diurética e anti-inflamatória, a cavalinha pode ser usada para auxiliar o tratamento de infeções urinárias e de pedra nos rins, por exemplo.

Existem rituais que criamos e que podem tornar-se extremamente vantajosos para nós, se formos esclarecidos quanto às escolhas que fazemos. Por exemplo, o ato de tomar chá pode ser simbólico. Mas se optarmos por escolher criteriosamente o chá, de acordo com as suas vantagens, estamos a demonstrar inteligência e a munir o nosso corpo de diversas defesas que ele necessita.

Já ouviu falar do chá de cavalinha? Pois ele pode não ser muito famoso, mas os seus benefícios devem ser bem conhecidos. Fique a saber algumas das razões que sustentam a tese de que este chá é absolutamente fantástico!

Chá de Cavalinha: para que serve, benefícios e riscos associados

Chá de Cavalinha
Chá de Cavalinha: para que serve, benefícios e riscos associados

O que é a cavalinha?

A cavalinha – que alguns conhecem por outros nomes como Cauda-de-cavalo, Cola-de-cavalo ou Cavalinha-dos-campos – possui o nome científico de Equisetum arvense e é uma planta medicinal que tem sido usada como remédio caseiro. As suas propriedades permitem que esta seja usada para diversos fins na área da saúde, mas também da estética.

Uma das melhores formas de recorrer aos benefícios desta planta é através do chá de cavalinha. Entre os benefícios mais comuns deste chá, está o seu contributo no processo de emagrecimento (ele possui uma ação anti-inflamatória e revela-se um ótimo diurético), mas também no combate de infeções urinárias e de inchaços por retenção de líquidos e no tratamento de pedra nos rins.

Informações nutricionais

Tabela nutricional da cavalinha, cozida (88 g) por porção
Valor calórico 231 kcal
965 kJ
Gordura 15,7 g
Gorduras saturadas 3,7 g
Gorduras monoinsaturadas 6,2 g
Gorduras poliinsaturadas 3,8 g
Carboidratos 0,0 g
Açúcares 0,0 g
Proteína 21,0 g
Fibra alimentar 0,0 g
Colesterol 66,0 mg
Sódio < 0,1 g
Água 46,9 g

 

Vitaminas por porção
Vitamina A < 0,1 mg
Vitamina B1 0,1 mg
Vitamina B11 < 0,1 mg
Vitamina B12 < 0,1 mg
Vitamina B2 0,4 mg
Vitamina B3 6,0 mg
Vitamina B5 0,9 mg
Vitamina B6 0,4 mg
Vitamina C 0,4 mg
Vitamina D 0,0 mg
Vitamina E 0,0 mg
Vitamina K 0,0 mg

 

Minerais por porção
Cálcio < 13,2 mg
Cobre < 0,1 mg
Ferro 1,4 mg
Magnésio 85,4 mg
Manganês < 0,1 mg
Fósforo 244,6 mg
Potássio 352,9 mg
Selênio < 0,1 mg
Zinco 0,8 mg

 

Chá de Cavalinha
Chá de Cavalinha: para que serve, benefícios e riscos associados

Benefícios

A cavalinha é uma planta que possui propriedades que a tornam:

– adstringente;

– anti-hemorrágica;

– anti-hipertensiva;

– anti-inflamatória;

– antidiarreica;

– antimicrobiana;

– antioxidante;

– antirreumática;

– cicatrizante;

– digestiva;

– diurética;

– remineralizante.

Tanta diversidade de efeitos leva a um número igualmente expressivo de benefícios. Por exemplo, a cavalinha:

– combate sintomas de ansiedade, stress e variações do humor;

– combate a retenção de líquidos;

– diminui o fluxo menstrual (quando abundante);

– diminui a queda de cabelo;

– diminui a pressão arterial;

– previne e ajuda no tratamento de frieiras;

– previne e ajuda no tratamento de hemorragias do estômago;

– previne e ajuda no tratamento de hemorragias nasais;

– presta auxílio no tratamento de problemas renais e urinários (tais como cistite, infeções urinárias e nefrite);

– auxilia no tratamento de reumatismo;

– presta auxílio no tratamento de artrite;

– ajuda no tratamento da gota.

Chá de Cavalinha
Chá de Cavalinha: para que serve, benefícios e riscos associados

Receita de chá de cavalinha

Ingredientes

– 1 chávena de água fervente

– 1 c. de sopa de cavalinha

Modo de Preparação

– Coloque a cavalinha em água fervente.

– Deixe repousar por 5 minutos.

– Coe o chá.

– Está pronto a servir.

Nota: Beba no máximo 3 chávenas por dia, idealmente na sequência das principais refeições do dia (pequeno almoço, almoço e jantar).

Formas de recorrer à cavalinha e respetivos benefícios

O talo seco da cavalinha é a parte usada para fazer chá. Ela é também requerida para banhos e para cataplasmas. Como viu, o chá de cavalinha é fácil e rápido de fazer, sendo a forma mais comum de se retirar os benefícios da planta medicinal. Existem também cápsulas que contêm grande parte dos benefícios da cavalinha.

Chá de Cavalinha
Chá de Cavalinha: para que serve, benefícios e riscos associados

Efeitos colaterais, malefícios e contraindicações

Apesar da cavalinha possuir nas suas propriedades características que podem ser muito benéficas para o organismo, deve ter-se em conta que um consumo exagerado desta planta, pode trazer mais problemas, em vez das desejadas soluções.

Mais, o seu consumo deve ser limitado a um breve período temporal (até uma semana, no máximo!). Como em tudo na vida, o que é consumido em exagero é erro. Por isso, deve consumir de forma moderada e consciente a cavalinha (em formato de chá, cápsulas ou outro), de modo a evitar sofrer efeitos colaterais.

Por isso, deve recorrer à orientação de um nutricionista e/ou de um médico que tenha mais conhecimento sobre si e o seu histórico, de forma a ajudar a definir a quantidade ideal a consumir. Grávidas e lactantes estão no grupo de pessoas que não devem consumir este tipo de chá.

Existem pessoas com determinados problemas de saúde que também devem evitar o consumo da cavalinha como, por exemplo, indivíduos que sofram de doenças nos rins, de pressão baixa ou de insuficiência cardíaca, pois a cavalinha diminui a pressão arterial e tem efeitos diuréticos que podem tornar-se prejudiciais a algumas pessoas.

Um consumo exagerado do chá de cavalinha pode levar à perda de minerais importantes para o corpo, o que pode ter como consequência causar uma alteração da frequência cardíaca, diarreia, desidratação, dor de cabeça, fraqueza muscular, entre outros efeitos negativos, como perda de peso excessiva.

Importante

O conteúdo aqui apresentado é de caráter informativo. Deve sempre falar com um especialista (pode ser um nutricionista, um médico, ou ambos), antes de proceder a qualquer tratamento recomendado no NCultura, de forma a ter o devido acompanhamento de alguém que tem mais informações sobre si.

Apesar das recomendações serem baseadas em estudos científicos, um especialista tem acesso a muita informação pessoal sobre si que pode ser relevante, seja para avançar com o tratamento, seja para o impedir ou interromper.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.