Início Histórias A Casa Escondida já pode ser visitada no Porto

A Casa Escondida já pode ser visitada no Porto

Há uma casa no Porto que dizem ser a mais estreita da cidade e do país. A casa escondida já pode ser visitada no Porto, após 250 anos fechada ao público.

3150
A casa escondida já pode ser visitada no Porto
A casa escondida já pode ser visitada no Porto

A Casa Escondida já pode ser visitada no Porto

Há uma casa no Porto que dizem ser a mais estreita da cidade e do país. A casa escondida já pode ser visitada no Porto, após 250 anos fechada ao público.

A História

A casa escondida já pode ser visitada no Porto
A casa escondida já pode ser visitada no Porto

Portugal, como antigo país católico, tem muitas igrejas, de todos os estilos e de todas as épocas. E no Porto, a igreja dos Carmelitas Descalços é uma das mais bonitas da cidade.

Vista de fora, ao lado da sua irmã, a igreja do Carmo, ela é parecida a tantas outras igrejas, se esquecermos, claro, a particularidade de ter outra igreja “colada”.

A casa escondida já pode ser visitada no Porto
A casa escondida já pode ser visitada no Porto

A Igreja dos Carmelitas ou Igreja dos Frades Carmelitas Descalços, localiza-se na freguesia da Vitória. Começou a ser construída em 1616 e ficou concluída em 1628.

A decoração do interior só viria a ficar pronta em 1650. A igreja pertencia ao extinto convento, hoje ocupado pela Guarda Nacional Republicana.

A casa escondida já pode ser visitada no Porto
A casa escondida já pode ser visitada no Porto

Foi classificada como Monumento Nacional a 3 de Maio de 2013, em conjunto com a adjacente Igreja do Carmo ou Igreja da Venerável Ordem Terceira de Nossa Senhora do Carmo, localizada no cruzamento entre a Praça de Carlos Alberto e a Rua do Carmo, nas proximidades da Igreja e Torre dos Clérigos.

A casa escondida já pode ser visitada no Porto
A casa escondida já pode ser visitada no Porto

Mas se repararmos bem, elas estão separadas por uma “casa”, com pouco mais de um metro de largura. Esta “casa” foi construída devido a uma lei que proibia duas igrejas com paredes meias.

A igreja dos Carmelitas era destinada aos Frades Carmelitas Descalços e a igreja do Carmo, aos frades da Ordem Terceira.

A casa escondida

A grande maioria dos turistas que passam por esta ou melhor, por estas fachadas, não percebe à primeira vista que estão na verdade diante de duas igrejas.

A casa escondida já pode ser visitada no Porto

O gigante painel lateral em azulejos impressiona e as fachadas em barroco também.

Mas na verdade estamos diante das Igrejas do Carmo e das Carmelitas. Pertencentes a duas ordens distintas fundadas nos séculos XVII e XVI. E o que ninguém nunca reparou é que entre elas existe uma Casa Escondida…

A casa escondida já pode ser visitada no Porto
A casa escondida já pode ser visitada no Porto – © O Porto encanta

Sim, além de duas Igrejas, elas estão separadas por uma pequena casa…

É certamente a casa mais estreita do Porto e provavelmente de Portugal, e concorre com várias casas estreitas pelo mundo.

A casa serviu de residência para alguns capelães e em algumas situações, também abrigou artistas que faziam trabalhos na decoração da Igreja e médicos que trabalhavam no hospital da Ordem. Nos últimos tempos lá viveram o Sacristão e o zelador da Igreja.

Reuniões secretas também foram ali realizadas nos tempos das Invasões Francesas entre 1807 e 1811, no período do Liberalismo entre 1828 e 1834, durante o Cerco do Porto entre 1832 e 1833. depois da Proclamação da República em 1910 e também durante o período às Ordens religiosas.

Não deixe de ver o vídeo no final

(cont.)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.