Início Viagem Destinos 13 destinos que os turistas estão a destruir nas férias

13 destinos que os turistas estão a destruir nas férias

Será necessário chegar ao ponto de fechar uma ilha por causa do excesso de turismo? Conheça 13 destinos que os turistas estão a destruir nas férias.

turistas estão a destruir
13 destinos que os turistas estão a destruir nas férias

13 destinos que os turistas estão a destruir nas férias

Será necessário chegar ao ponto de fechar uma ilha por causa do excesso de turismo? Conheça 13 destinos que os turistas estão a destruir nas férias.

É uma das ilhas mais bonitas da Tailândia, mas o excesso de turistas que recebe todos os meses obrigou as autoridades a tomarem medidas extremas. Devido a danos ambientais causados por turistas, a popular ilha Koh Tachai fechou por tempo indeterminado a 15 de outubro do ano passado.

A interdição será indispensável para a recuperação dos danos ambientais causados por visitantes. Conheça outros locais mundialmente famosos, que estão a pedir aos turistas para ficarem em casa.

Cinque Terre, Itália

13 destinos que os turistas estão a destruir
Cinque Terre, Itália – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Cinque Terre, em Itália, é o mais recente e popular local turístico a limitar o número de visitantes permitidas, neste caso, a um máximo de 1.5 milhões de pessoas por ano.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Cinque Terre, Itália – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Mais de 2.5 milhões visitaram este destino no ano passado e principalmente devido ao aumento do número de cruzeiros atracados nas pitorescas aldeias piscatórias do século XIV tomou-se esta decisão, uma vez que as aldeias não têm infra-estruturas para lidar com o aumento dramático do número de visitantes.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Cinque Terre, Itália – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Butão

13 destinos que os turistas estão a destruir
Butão – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Um pequeno país pertencente aos Himalaias, comprometeu-se a controlar a quantidade de turistas que visitam este reino budista situado numa montanha.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Butão – 13 destinos que os turistas estão a destruir

O país cobra uma taxa turística mínima de 175€ por dia, com exceção dos visitantes com passaporte oriundo da Índia, Bangladesh ou Maldivas.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Butão – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Todas as viagens devem ser feitas através de um operador turístico local ou parceiro internacional e os vistos são rigorosamente inspecionados à entrada.

Lord Howe Island, Austrália

13 destinos que os turistas estão a destruir
Lord Howe Island – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Uma ilha ao largo da costa australiana entre Brisbane e Sydney, limita o número de visitantes diários para as 400 pessoas.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Lord Howe Island – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Devido a isso os turistas são fortemente incentivados a reservar alojamento antes de voos.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Lord Howe Island – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Além de alugar o seu próprio barco, voar é a única maneira de chegar à ilha.

Skelling Michael, Irlanda

13 destinos que os turistas estão a destruir
Skelling Michael – 13 destinos que os turistas estão a destruir

O local de filmagem da cena final de “Star Wars: O despertar da força” limita os visitantes a apenas 180 pessoas por dia e só é acessível através de barco nos meses de maio a setembro.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Skelling Michael – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Alguns dos passeios passam neste local que é considerado Património Mundial da UNESCO.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Skelling Michael – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Antártida

13 destinos que os turistas estão a destruir
Antártida – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Na Antártida as empresas de turismo são obrigadas a ter uma licença para visitar o continente, conforme está descrito no tratado criado para o mesmo.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Antártida – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Há também um limite em terra para os passageiros de cruzeiros, que não podem ultrapassar os 100 de cada vez.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Antártida – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Navios de cruzeiro com mais de 500 passageiros estão proibidos de desembarcar.

Machu Picchu, Peru

13 destinos que os turistas estão a destruir
Machu Picchu, Peru – 13 destinos que os turistas estão a destruir

A famosa cidade inca peruana, limita a entrada a 2500 pessoas por dia e exige a compra de bilhetes com antecedência, especialmente durante época alta (junho a agosto).

13 destinos que os turistas estão a destruir
Machu Picchu, Peru – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Para a compra do bilhete, que pode ser adquirido no site oficial do governo de Machu Picchu, irá precisar do seu número de passaporte.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Machu Picchu, Peru – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Mogao Grottoes, China

13 destinos que os turistas estão a destruir
Mogao Grottoes, China – 13 destinos que os turistas estão a destruir
13 destinos que os turistas estão a destruir
Mogao Grottoes, China – 13 destinos que os turistas estão a destruir

O famoso local localizado a norte da China, Mogao Grottoes, limita o número diário de visitantes a 6 000 e em dias alternados durante a época alta para 10 000, com bilhetes que precisam de ser comprados com antecedência.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Mogao Grottoes, China – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Ilhas Galápagos

13 destinos que os turistas estão a destruir
Ilhas Galápagos – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Foram consideradas Património Mundial da UNESCO em vias de extinção em 2007, com rigorosas restrições ao turismo aprovadas para preservar a geografia e vida selvagem da ilha.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Ilhas Galápagos – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Os visitantes de qualquer das áreas protegidas do Parque Nacional de Galápagos devem ser acompanhados por um guia oficial.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Ilhas Galápagos – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Cerca de 97 por cento das ilhas são designadas como protegidas e todas as visitas a estes locais são coordenadas pelo parque, que também faz o acompanhamento cuidadoso às condições ecológicas das ilhas.

Veneza, Itália

13 destinos que os turistas estão a destruir
Veneza, Itália – 13 destinos que os turistas estão a destruir

Veneza está literalmente a afundar e o excesso de turistas não está a ajudar.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Veneza, Itália

A cidade conhecida pelos seus famosos canais de água acolhe mais de 80 000 turistas por dia.

13 destinos que os turistas estão a destruir
Veneza, Itália

Além do aumento do nível do mar e o aumento das inundações, alguns moradores dizem que o tráfego de turistas está a ameaçar os portos devido ao desembarque de muitos cruzeiros.

Barcelona, Espanha

13 destinos que os turistas estão a destruir
Barcelona, Espanha

A cidade mais visitada de Espanha, tentou por várias vezes limitar os números de visitantes à cidade.

Barcelona, Espanha

Os planos foram condenados pelo ministro do Turismo, que disse que a diminuição seria um grande golpe para a economia da região e comparou, em tom de exemplo, o que aconteceria se a Alemanha abandonasse a produção de automóveis.

Barcelona, Espanha

Santorini, Grécia

Santorini, Grécia

As casas construídas nas falésias de Santorini são parecidas com algo saído de um livro de histórias infantis, mas a realidade de visitar esta ilha grega, que normalmente é invadida por turistas de cruzeiro, vai acabar.

Santorini, Grécia

Será limitado o acesso a 8 000 turistas por dia, uma redução de 20 por cento.

Santorini, Grécia

Islândia

Islândia

Como muitos destinos de sonho, a contagem turística anual da Islândia é maior do que a sua população.

Islândia

O número de visitantes triplicou nos últimos anos, em parte graças a um aumento da presença de companhias aéreas low cost.

Islândia

A principal preocupação do país é acolher todos os seus visitantes e num estudo realizado em 2014 concluiu que o melhor seria limitar as entradas até ter as infra-estruturas certas para que todos tivessem uma experiência melhor.

Koh Tachai, Tailândia

Koh Tachai, Tailândia

A ilha encerrou por tempo indeterminado a 15 de outubro do ano passado.

Koh Tachai, Tailândia

A ilha situada no Parque Nacional de Similan é um local de culto para os habitantes locais e turistas estrangeiros, especialmente mergulhadores, mas precisa de recuperar de danos ambientais causados por visitantes e permitir a reabilitação do ambiente da ilha e do mar sem ser perturbado por atividades turísticas.

Koh Tachai, Tailândia

Se gostou deste artigo também poderá gostar de:


É portuguesa uma das 10 cidades pequenas mais românticas da Europa

É português um dos 10 destinos mais sinistros para viajar estas férias

É português um dos 15 locais desconhecidos e surpreendentes

9 países fantásticos onde ninguém vai
_

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.