Início Histórias Sabia? Pátio Romano descoberto na Ribeira, no Porto

Sabia? Pátio Romano descoberto na Ribeira, no Porto

São os primeiros mosaicos romanos identificados no Porto e dos raros, até hoje, conhecidos no norte do País. Fique a saber tudo e programe a sua visita.

1696
COMPARTILHE
Sabia? Pátio Romano descoberto na Ribeira, no Porto

Sabia? Pátio Romano descoberto na Ribeira, no Porto

Falamos da Casa do Infante, um edifício que é a própria história da cidade do Porto. É um dos mais antigos da cidade e hoje abriga um museu que é de visita obrigatória.

Casa do Infante, Porto

Inicialmente, foi ali que o rei D. Afonso IV, em 1325, mandou construir mandou construir neste local o “almazém” régio, contra a vontade do Bispo do Porto, então senhor do burgo. Assim nasceu a Alfândega do Porto, para onde eram encaminhadas todas as mercadorias que aportavam à cidade, a fim de ser cobrado o respectivo imposto.

Por se situar junto à margem do rio e próximo do mar, o Porto foi sempre uma cidade mercantil, de negócios e de comerciantes. E fazer uma visita a este edifício medieval, leva-nos a conhecer muito da história da cidade, além de podermos apreciar os detalhes da arquitetura daquela época.

É na Casa do Infante que se encontra o Arquivo Histórico da Cidade onde é possível pesquisar sobre os variadíssimos assuntos relacionados com a sua história. Inclusive conhecer documentos raríssimos que remontam à séculos atrás.

Logo no início da visita à Casa do Infante, encontramos uma série de ruínas e vestígios da época romana, comprovando que o Porto, ou melhor, esta região onde se encontra a cidade, já era habitada desde os séculos III e IV, como podemos observar neste pavimento mosaico policromático típico daquela época.

Ao iniciarem-se as pesquisas, os arqueólogos depararam-se com vestígios de um palácio do século IV d.C.. A descoberta foi de algum modo inesperada, devido à dimensão do edifício e à qualidade das estruturas. Entre estas, contam-se os primeiros mosaicos romanos identificados no Porto e dos raros, até hoje, conhecidos no norte do País.

Também ruínas de construção romana foram descobertas no subsolo do edifício da antiga Alfândega.

(cont.)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here