Início Notícias Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Saiba o que mais irá pesar no seu orçamento no próximo ano: 10 coisas mais caras e algumas mais baratas em 2018.

1042
Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)
Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Prepare-se: 10 coisas mais caras em 2018 (e algumas mais baratas)

Banco de Portugal, Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional e Ministério das Finanças esperam uma inflação perto de 1,5% em 2018.

Saiba o que mais irá pesar no seu orçamento no próximo ano.

Banca sobe comissões até 20%

O Santander Totta dá o tiro de partida do aumento dos preços da banca. Em algumas comissões, o aumento supera 20%, segundo o Jornal de Negócios. A alteração do preçário vigora a partir do dia 12 de janeiro de 2018.

Azeite quase 30% mais caro

Foto: Nuno Veiga/Lusa

O Instituto Nacional de Estatística calcula que o azeite tenha, em 2018, um “aumento dos preços base” de 29,6%, segundo o “Público”. É o resultado de “um decréscimo de produção em volume” de 9,3%.

Pão sobe 2,5% com o aumento do salário mínimo

Foto: Mário Cruz/Lusa

Se as panificadoras traduzirem o aumento do salário mínimo nacional totalmente nos clientes, o pão aumentará 2,5%. “Um aumento do SMN em 5% reflete-se num acréscimo dos custos de produção da ordem dos 2,5%”, lê-se no comunicado da Associação dos Industriais de Panificação, Pastelaria e Similares de Lisboa.

Preços das casas trepam 5%

Foto: Getty Images

Os preços das habitações em Portugal subirão 5%, em média, nos próximos 12 meses, revela um inquérito a proprietários, promotores e agentes imobiliários, realizado em outubro pela Confidencial Imobiliário e pelo Royal Institution of Chartered Surveyors, citado pelo Expresso.

Transportes públicos não aumentam mais de 2,5%

Foto: Mário Cruz/Epa

Em 2018, a atualização das tarifas de títulos de transporte público não pode ser superior a 2,5%, segundo o despacho dos gabinetes dos secretários de Estado do Tesouro, das Infraestruturas e Adjunto e do Ambiente. No entanto, os passes Lisboa Viva, Viva Viagem/7 Colinas e Andante não sofrem aumentos.

(cont.)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.