Início Pessoas Forbes: 4 portugueses nos 30 jovens “mais brilhantes” da Europa

Forbes: 4 portugueses nos 30 jovens “mais brilhantes” da Europa

São quatro os jovens “mais brilhantes” escolhidos pela Forbes na lista anual dos “30 under 30″ (30 pessoas influentes com menos de 30 anos).

1184
COMPARTILHE

_

As outras promessas portuguesas

A revista Forbes distinguiu ainda mais três portugueses. O bailarino Marcelino Sambé de 23 anos foi distinguido na categoria “Arte e Cultura”. Em 2015 considerado como uma das 10 pessoas a seguir pelo The Independent, o jovem artista foi ainda um artista convidado no Royal Ballet de Londres 2012. Desde de 2014 é primeiro bailarino na mesma instituição.

Marcelino Sambé começou a dar os primeiros passos enquanto bailarino aos seis anos. Ao nove ingressou na Escola de Dança do Conservatório Nacional. Em 2008 ganhou a medalha de prata no Concurso Internacional de Ballet de Moscovo e, em 2010, a medalha de ouro Concurso Internacional de Ballet dos Estados Unidos, em 2010.


_
A jovem promessa da dança que já é referência a nível mundial num vídeo de Youtube partilhado pelo canal da Royal Opera House (a “casa mãe” do Royal Ballet”).

Já Filipa Neto e Lara Vidreiro, fundadoras da Chic By Choice, foram distinguidas no ramo “Retalho e Comércio Eletrónico”. As jovens empreendedoras criaram a loja de aluguer de vestidos de luxo que rapidamente alcançou sucesso, não só em Portugal.

Em 2015 a startup fundada fechou uma ronda de investimento de 1,5 milhões de euros. A empresa da jovens empreendedoras de 27 anos é referida pela Forbes como a futura referência europeia de aluguer de vestidos de luxo.

Entre os outros escolhidos para a lista política “30 Under 30” da Forbes está também Hervé Barville, sobrevivente do genocídio de Ruanda que se tornou porta-voz do grupo parlamentar francês “La République en Marche” ou Thomas O’Neill, que inventou um sistema para detetar lobbies nas políticas sobre as alterações climáticas. Veja a lista completa aqui.

Autores: Marta Leite Ferreira e Manuel Pestana machado
Fonte: Observador
_

1
2
COMPARTILHE

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here