Início Lugares Destinos 14 estâncias de neve para ir de carro

14 estâncias de neve para ir de carro

Entre no carro e faça-se à estrada até 14 estâncias na Europa e em Marrocos. Damos-lhe toda a informação.

852
14 estâncias de neve para ir de carro
14 estâncias de neve para ir de carro

14 estâncias de neve para ir de carro

A cada inverno multiplicam-se as listas com as melhores estâncias de neve do planeta, algumas delas situadas em locais tão belos quanto longínquos. Desta vez não lhe sugerimos que vá até ao fim do mundo para esquiar, escolhemos antes os melhores destinos para ir de carro.

Europeus e não só, até porque Marrocos também tem neve e fica (quase) à mesma distância de Andorra. Uma aventura para fazer em família ou com um grupo de amigos. Porque tão importante como o destino é a própria viagem.

Distâncias calculadas a partir de Lisboa.

PORTUGAL

1. Serra da Estrela

Serra da Estrela

A Estrela não é nem nunca será uma estância para grandes esquiadores – basta ver que a pista mais longa tem pouco mais de dois quilómetros de extensão e a mais difícil um desnível de cerca de 130 metros –, mas não deixa de ser a nossa estância de inverno. A única.

Mudar as suas características naturais e imitar o que se faz nos Pirenéus é tarefa impossível, se bem que os responsáveis estejam dispostos a encurtar distâncias.

Para uma escapadela de fim de semana, para matar o vício enquanto não chegam as verdadeiras férias na neve, pela paisagem, pelas recordações da infância que esta serra sempre desperta, todos os motivos são válidos para subir ao ponto mais alto de Portugal continental.

Distância: 298 Km
Duração média da viagem: 4 horas
Custo portagens: 21,35 euros

Forfait: 15 euros por dia; cinco dias a partir de 65 euros
Domínio esquiável: 7 Km
Pistas: 19
Cota máxima: 1988
Cota mínima: 1851

site: skiserradaestrela.com

ESPANHA

2. Sierra Nevada

Sierra Nevada

Nem todos os lugares comuns são maus. Sierra Nevada tornou-se um destino de eleição para os portugueses porque é perto, mas também pelas excelentes condições.

Esquiadores, snowboarders, iniciados ou verdadeiros peritos, há lugar e espaço para todos. Além de uma extensa oferta hoteleira e muita animação après-ski. É aqui que se situam o Pico Mulhacén, o teto da Península Ibérica (3482 m) e o Pico Veleta (3392 m).

Das suas 124 pistas, sete estão classificadas como negras (muito difíceis), 50 como vermelhas (difíceis), 41 como fáceis e 19 como muito fáceis.

Distância: 730 Km
Duração média da viagem: 10 horas
Custo portagens: 9,05 euros

Forfait: 38 euros por dia; sete dias 250 euros; gratuito para menores
Domínio esquiável: 106,8 Km
Pistas: 124
Cota máxima: 3300
Cota mínima: 2100
site: sierranevada.es

3. San Isidro

San Isidro

Para quem vive no Norte do país basta mesmo meio depósito para chegar a San Isidro, território ainda pertencente a Castela e Leão, mas já encostado às Astúrias.

Uma estância pequena, é certo, com apenas 34 quilómetros de domínio esquiável, mas com 13 pistas vermelhas e quatro pistas negras que já permitem alguma diversão aos mais experientes.

Fica em plena cordilheira Cantábrica. Além disso, o forfait diário é barato, ao nível do da serra da Estrela e muito longe do que se pratica no resto de Espanha.

Distância: 747 Km
Duração média da viagem: 9 horas
Custo portagens: 27,85 euros

Forfait: 19 euros por dia para adulto; 15 euros para criança; cinco dias 255 euros e 160 euros
Domínio esquiável: 34,01 Km
Pistas: 35
Cota máxima: 2100
Cota mínima: 1500
site: nieveleonsanisidro.com

4. Cerler

Cerler

É um dos tais segredos mal guardados dos Pirenéus. A sua fama pode ainda não ter chegado ao grande público, a verdade é que em 2015 ganhou pelo segundo ano consecutivo o prémio de melhor estância de esqui de Espanha – distinção atribuída nos World Ski Awards.

Zona de grande beleza natural, inserida no vale de Benasque, tem vista para dezenas de picos, entre eles o de monte Aneto – o maior dos Pirenéus (3404 m). Possui também o maior desnível esquiável desta cadeia montanhosa (1130 m).

Distância: 1163 Km
Duração média da viagem: 13 horas
Custo portagens: 16,15 euros

Forfait: 38 euros por dia; sete dias desconto de 20%
Domínio esquiável: 79 Km
Pistas: 68
Cota máxima: 2630
Cota mínima: 1500
site: cerler.com

5. Baqueira-Beret

Baqueira-Beret

É um dos nomes incontornáveis dos Pirenéus. Para muitos a mais exigente e mais alpina das estâncias. Tem nada mais nada menos do que 629 desfiladeiros.

É constituída por três zonas distintas mas que se complementam na perfeição: Baqueira para iniciados, Beret com pistas para esquiadores experientes e Bonaigua o setor de maior altitude com muitos quilómetros fora de pista.

A orientação a norte garante-lhe um maior número de horas de luz diária.

Distância: 1244 Km
Duração média da viagem: 14 horas
Custo portagens: 46,55 euros

Forfait: 49 euros por dia; sete dias 255 euros
Domínio esquiável: 155 Km
Pistas: 103
Cota máxima: 2510
Cota mínima: 1500
site: baqueira.es

(cont.)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.