Início Opinião 10 características do português comum

10 características do português comum

Realmente há certas coisas que me irritam no comportamento de alguns de nós. Convido-vos a conhecer… as 10 características do Português comum!

1649
COMPARTILHE
10 características do português comum
10 características do português comum

10 características do português comum

O português tem um dom, sabe qual é? O dom de ser chico-esperto!

Porque estarei eu a dizer isto? Falando um pouco ao modo do “Vida Selvagem”, se observarmos com alguma atenção os comportamentos desta espécie, vamos conseguir, rapidamente, enumerar algumas características comuns a todos. Pois bem, essa lista chegou ao “Ideias e Opiniões”. Se se identificar com algum dos pontos, parabéns, é português a 100%.

Se, por outro lado, não se identifica com nenhuma característica, vá confirmar ao seu cartão de cidadão se realmente é português.

Mas, brincadeiras à parte, realmente há certas coisas que me irritam no comportamento de alguns de nós. Convido-vos a conhecer… as 10 características do Português comum!

1 – UTILIZA O LUGAR DOS DEFICIENTES COMO OUTRO QUALQUER.  

Quando chega a hora de estacionar, o tuga só não entra com o carro dentro das lojas porque não pode. Então, de repente parece que somos todos deficientes, porque não serve de nada esses lugares reservados estarem assinalados.

2 – CONTAR OS TROCOS QUE TENHO NA CARTEIRA? O QUÊ? ISSO DÁ MUITO TRABALHO.

Chega a hora de pagar, o tuga até abre a carteira, mas tem tanta moeda, ou “cascalho” como gosta de lhe chamar, e são tantas moedas “pretas” que dá muito trabalho contar. Ele até pode ter o valor da compra trocado, mas saca logo da maior nota que tiver na algibeira. Se o vendedor perguntar se tem trocos, ele diz que não tem, mesmo que o som que as moedas façam na carteira o denuncie.

3 – NÃO GOSTA DE ESPERAR. 5 MINUTOS SÃO MEIA-HORA.

Acabou de entrar na loja, está uma pessoa à sua frente. Passaram dois minutos e já está a “bufar” e solta a típica frase “já estou aqui há meia hora…”. Eu não sei onde é que os tugas compram os relógios, mas cheira-me que andam mais depressa do que o meu.

4 – CUMPRIR HORÁRIOS NÃO É COM ELE.

“Então combinamos para que horas? Às 18h, que é para apareceres às 18h30”. Portanto, a malta já faz o desconto a contar com os atrasos. Está certo, e quem se liga é aquela pessoa que é sempre pontual. E depois acontecem coisas que não lembram a ninguém… No dia em que o senhor pontual pensa “se chegar uns dez minutos depois tenho a certeza que vou ser o primeiro a chegar na mesma” e, nesse dia, os outros decidiram ser pontuais. Ele há coisas…

5 – PASSAR NA PASSADEIRA É PARA MENINOS.

A passadeira está apenas a uns metros, mas o tuga gosta de viver no limite, então mesmo que aviste um carro ao fundo, dá aquela “corridinha” e depois fica chateado porque levou uma “apitadela”. Está certo…

(cont.)

1
2
COMPARTILHE

2 COMENTÁRIOS

  1. Pois é! É mesmo “tuga”. “Quando é que é para entregar o trabalho ?” (Ou “quando é para entregar o trabalho ?” Apesar de não muito correcto, sempre é melhor português) E se esse/a redactor/a da “ncultura” aprendesse a escrever em Português ? “Quando é que é que é …” Podia continuar “ad infinitum”, como aquelas cantarolas de algumas das nossas “ilustres” cantadeiras que com uma palavra apenas fazem uma cantigueta. Com refrão e tudo. Pois é ilustre redactor/a de “ncultura”, sei que isso já é quase viral e de obediência obrigatória para as pobres “madames-bem” de “Lisvóa”, mas, por favor, vocês têm alguma responsabilidade na conservação da boa escrita, do bom português. Não queiram imitar algumas das nossas “jornalistas/apresentadeiras” das nossas televisões que mostram à evidência o seu desprezo pelo falar bem português. Não conseguem dizer “o que” sem repetir uma ou duas vezes seguidas. Mas o que é que é, que é que é, que é que é que elas poderão fazer, se o que é que é que é que é que elas dizem se calhar já o aprenderam assim ?

  2. Boa, Margarida. Senso de humor tambem não falta aos portugueses. Alias, é essencial porque se levarmos a vida a sério demais estamos fritos. Viva Portugal!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here